Monday, December 01, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
Nada de moralismos. Nada de idiotices.
-
Estamos a entrar numa quadra em que os humanos morrem que nem moscas nas estradas portuguesas. Muito sinceramente, pessoalmente já cheguei ao ponto de pensar: os idiotas que querem acabar com as suas vidas, por estas estradas a fora, que o façam. Agora, não é por nada, mas quanto a mim, não me apetece ir parar a uma cadeira de rodas - ou a sete palmos debaixo da terra - apenas porque os terrestres não têm respeito pela vida humana. Nem pela deles, nem pela dos outros.
-
Todos conseguimos entender a gravidade destas acções, mas apenas aqueles que já estiveram envolvidos num acidente, quando o outro condutor se encontrava intoxicado, pode compreender a profundidade das consequências.
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Sem moralismos, mas com muito realismo, acho que está na hora dos portugueses crescerem.
-
Mas isto sou só eu

29 Comments:

At 1:46 AM, Blogger DANTE said...

Realmente é um absurdo o numero de mortes na estrada a cada ano que passa. Se bem que por um lado temos as asneiras dos mais incautos , terás que concordar comigo tambem , no que diz respeito á escassa e deficiente sinalização de todo o tipo existente ao longo das nossas estradas , que por si só causam situaçoes de luto.
A ter que crescer algo , terá que ser em conjunto.

Jokas Alien :)

 
At 3:20 AM, Blogger ANNA-LYS said...

I share deeply Your concern on this matter

(( kram ))

 
At 3:47 AM, Blogger korrosiva said...

A falta de respeito pela vida (tanto humana como dos animais) é um facto!

Não há prevenção que lhes valha, nem operações stop da brigada de transito. Felizmente nunca sofri nenhum acidente, tenho tido sorte... até ver...

beijinhosss :)

 
At 11:37 PM, Blogger Alien David Sousa said...

Dante

Tens razão quando falas no estado de algumas estradas em Portugal e da sua má sinalização em determinados pontos, no entanto, com as auto-estradas que temos hoje em dia não faz sentido a quantidade de mortes que se dão por excesso de velocidade e por na maioria os condutores irem intoxicados. Não faz sentido mesmo.

Pensar que se pode ir da Costa a Lisboa sob o efeito do Álcool é de uma irresponsabilidade monumental. A caminho da Ponte pode-se assassinar uma pessoa inocente.

Beijinhos :)


ANNA-LYS

I don't know how bad things are in Sweden, but here in Portugal, especially during the holidays it's really bad. My concern is more about the ones who get killed by drunk drivers. If a drunk driver has a death wish, fine!,but killing an innocent one, that’s another history.

(((kram))))


Korrosiva

Ainda bem que nunca sofreste nenhum acidente K, e espero que assim se mantenha. Mas é assustador para aqueles que têm de se fazer à estrada durante estas quadras. Quando oiço que uma família inteira foi morta por um condutor embriagado, dá-me vontade de lhe colocar um funil na boca e o encher de álcool até não poder mais. Estou a ser radical? Talvez. Mas se estes seres não têm respeito pela vida dos outros, porque raio tenho eu de ter por a deles?

Beijinhos :)

 
At 12:25 AM, Blogger Casemiro dos Plásticos said...

Apoiado!
Anda para ai uma falta de civismo e respeito pelo próximo que mete nojo mas enfim...

 
At 3:38 AM, Blogger hole in my vein said...

realmente é um tema que transtorna! nem gosto de pensar porque conheço muita gente que anda nas estradas!! A última imagem está muito boa... mas o problema é que muitas vezes não é suicidio mas sim assassínio!!! é essa a pert revoltante!

 
At 4:07 AM, Blogger Å®t Øf £övë said...

Alien,
Apesar de ser um humano estou contigo. Estes terrestres estão de facto completamente sem juizo nenhum, e talvez isso seja um reflexo da revolta que se apoderou deles, ao verem que neste país em vez de se apostar na prevenção e consciencialização, se aposta e se gasta todos os recursos numa verdadeira preseguição pela caça à multa. Depois os resultados são aqueles que nós vemos... completamente catastróficos... enfim...
Bjo.

 
At 4:27 AM, Blogger caditonuno said...

façam como eu: nao bebam. assim só se despistam devido à estupidez. nada mais simples.

 
At 4:12 PM, Anonymous julie said...

Pois se há coisa que tá em vias de extinção é o respeito pelos outros.
Infelizmente as campanhas de prevenção não dão em nada, porque as pessoas pensam sempre que só acontecem aos outros.

bjs
julie

 
At 4:30 PM, Blogger Fabulosa said...

nunca conduzi embriagada. também não bebo a ponto de ficar assim. mas tenho medo de andar aí de carro, sobretudo em certas datas. =P

 
At 7:47 PM, Blogger tulipa_negra said...

é o que o meu querido pai sempre me disse quando saía de carro... "tem cuidado. não tenho medo de ti é dos outros..."

bjs

 
At 4:14 AM, Blogger Grão Vizir said...

Pensa nos aspectos positivos: assim a população nao aumenta tanto e o planeta nao se lixa tanto...

É algo idiota dizer isto, mas se nao existisse mortes de qualquer genero, provavelmente como as coisas estão, já nem existiamos, porque o ser humano é o maior consumidor do planeta....

 
At 6:10 AM, Blogger Carla said...

Ando na estrada todos os dias, considero-me uma condutora consciente, no entanto cometo os meus erros, como qualquer pessoa. Fico gelada, quando vejo ultrapassagens mal feitas, detesto velocidade e se for ao lado de alguém que conduza de forma "acelerada", suo como se estivesse num dia de Verão quente, fico paralizada e não abro a boca, o coração bate fortemente. Tirei a carta e tive dois anos sem pegar num carro, porque pouco tempo depois de a ter tirado perdi um amigo num acidente de viação e outros dois ficaram com sequelas, um deles bastante graves e notórias. Tinham saido juntos à noite, o condutor gostava de velocidade, entraram num túnel, perdeu o controlo da viatura e...o resultado foi trágico. Quando visitei os sobreviventes, fiquei inerte, em frente às suas camas. Recuperaram, um não revela sequelas aparentes, faz uma vida normal, mas perdeu parte das suas memórias, a custo, vai-se recordando de algumas, o outro tem dificuldades em se movimentar e ficou com danos cerebrais bastante graves, retrocedeu no tempo. Passados estes anos, fico paralizada quando vejo um acidente grave de viação, bloqueio, saio do carro, mas não consigo aproximar-me das vitimas...
Creio que seria necessário uma legislação preventiva de fundo, que tirar a carta não fosse só aprender o código e ter umas aulas para saber pegar num carro, mas que formassem, onde houvesse espaço para a sensibilização, com aulas práticas de condução defensiva, entre outras.
As nossas estradas têm de deixar de ser tão negras... de enlutar...

 
At 2:52 PM, Blogger Donnola said...

pois, n adianta, eles querem mm ficar def's, pior é qdo o atingido n tem culpa

 
At 2:54 PM, Blogger Donnola said...

ahhh e parem de usar o argumento "as estradas são perigosas" tadinhas elas tão lá tão quietinhas!

 
At 3:55 PM, Anonymous Anonymous said...

When you're sad and when you're lonely
And you haven't got a friend
Just remember that death is not the end
And all that you held sacred
Falls down and does not mend
Just remember that death is not the end
Not the end, not the end
Just remember that death is not the end
When you're standing on the crossroads
That you cannot comprehend
Just remember that death is not the end
And all your dreams have vanished
And you don't know what's up the bend
Just remember that death is not the end
Not the end, not the end
Just remember that death is not the end
When the storm clouds gather round you
And heavy rains descend
Just remember that death is not the end
And there's no-one there to comfort you
With a helping hand to lend
Just remember that death is not the end
Not the end, not the end
Just remember that death is not the end
For the tree of life is growing
Where the spirit never dies
And the bright light of salvation
Up in dark and empty skies
When the cities are on fire
With the burning flesh of men
Just remember that death is not the end
When you search in vain to find
Some law-abiding citizen
Just remember that death is not the end
Not the end, not the end
Just remember that death is not the end
Not the end, not the end
Just remember that death is not the end

 
At 5:37 PM, Blogger Canephora said...

Ok...
tenho andado longe, distraído... não sei se terei paciência para continuar a construir este cantinho de que gosto muito, de qualquer forma, não posso deixar de notar aqui... que é a MAIOR irresponsabilidade que alguém mostra é beber e conduzir.
Ninguém dúvida que ele ou ela seja capaz de conduzir.
O que todos temos a certeza é que não o conseguirá fazer de forma correcta, pondo em risco a própria vida e a dos outros.
Infelizmente, sejam estes conselhos transmitidos por terrestres ou extra-terrestres, continuam a haver uma grande quantidade de Burros, sem ofensa para os simpáticos animais, que acham que só acontece aos outros... e infelizmente também, acontece com mais frequência aos inocentes.
Enfim... culpa primária da industria do alcool e do governo, que como complemento a quem tira a carta, deviam fazer testes psicológicos para saber se a pessoa pode ou não ser um condutor de risco... e quando pisam o risco a primeira vez... acabar as oportunidades. É que quem eles matam ou os tornam deficiêntes não têm 2ªs oportunidades.

Um abraço.

 
At 12:13 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Pessoal, tenho tido uns problemas, entre eles um com o meu home computer,brevemente respondo aos vossos comentários

saudações alienígenas

 
At 12:28 AM, Blogger Su said...

o assunto é sério e infelizmente bem real..................
é necessário que as pessoas tenham consciencia-------------------


jocas maradas

 
At 12:36 AM, Blogger Alien8 said...

Nem mais, mana. Mas será que crescem os portugueses, ou o número de vítimas? A irresponsabilidade atinge todos os campos, este é "só" mais um...

Beijinhos alienígenas e as melhoras do PC!

 
At 12:57 AM, Blogger White_Fox said...

Cada vez que falamos da forma como a sociedade funciona lembro-me sempre das pessoas mais velhas que têm uma coisa chamada hábito que é muito dificil de mudar.
Mas depois ponho-me a pensar: "serão só as pessoas mais velhas as responsáveis por não crescermos enquanto sociedade?". Eu eu, infelizmente, começo a pensar cada vez mais que é exactamente o oposto. Eu explico, os mecanismos de reprodução social funcionam perfeitamente bem em Portugal e actualmente se um gajo vê o pai a conduzir bêbado vai fazer o mesmo porque é de homem fazê-lo. O exemplo pode ter sido um pouco parvo, mas é essa a noção que tenho: que as pessoas dificilmente conseguem dizer não e é vergonhoso ir sair com os amigos e não beber.
Eu quando vou sair com o meu pessoal e levo o carro não toco numa gota de álcool. É claro k tb gostava de estar ali a beber com eles, mas tenho de me aguentar à bomboca. Um dia bebo eu, outro dia bebem eles...

bjs

 
At 4:25 AM, Blogger Iasnara said...

Querida, você sempre consegue chacoalhar nossa massa cinzenta. Se toda campanha tivesse a chance de um argumento teu, as propagandas iriam mais longe.



Um beijo cheio de saudades.

 
At 3:31 AM, Blogger Gata Verde said...

Ou terem a coragem de deixar de beber!!!

beijos

 
At 1:25 AM, Blogger ...Lu... said...

Esperemos sentados que esta malta perceba que andar de carro é mais do que coordenar as mudanças com a embraiagem e o acelerador... e abrir à força toda!!!

Infelizmente creio que já muitos de nós perdemos alguém querido num estúpido acidente de viação, mas só alguns ganhamos a consciência de que numa estrada não somos sõ nós... é um mundo inteiro!!!

:)

Beijito, "alien desaparecida"!!!!! (se bem que eu também ando noutra dimansão, sorry!!)

 
At 5:17 PM, Blogger Su said...

(tens prenda natalicia no marakoka)

 
At 12:21 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Aqui vão as respostas aos vossos comentários para poder colocar um novo texto, isto de ter problemas com computadores é uma merda. :/

3 linhas para cada um de vocês lol


CASE
Mete Nojo MESMO!
Beijinhos

hole in my vein

Sim, é! Foi por isso que disse que não me importo que se matem, mas quedeixem os outros em paz.
Beijinhos covinhas


Å®t Øf £övë
Concordo. A caça à multa dá dinheirinho ao estado, a prevenção retira dinheirinho dos cofres, porque tem de ser bem feita e para ser bem feita há que gastar, para salvar no futuro.
Beijinhos


CAD
EXCELENTE conselho. Um carro é uma arma. É isso que as pessoas não entendem.
Beijinhos


JULIE
Tens razão. Ainda existe essa mentalidade, no entanto, em Portugal ainda não existem campanhas agressivas como noutros países.É um facto.
beijinhos meu outro eu


FAB
Eu também e como já passei por experiências bastante assustadoras...não preciso de dizer mais.
Beijinhos Dona Fab ;)


Tulipinha
A minha mãe dizia-me isso lol
Beijinhos


Grão

LooooooooooooooooL
Não tenho o que comentar a não ser o meu LOL
Beijinhos doido



Carla

"com aulas práticas de condução defensiva, entre outras.
As nossas estradas têm de deixar de ser tão negras... de enlutar..."

Concordo. Claro que sim. E consigo identificar-me com o teu comentário carla, acredita.
Beijinhos


DON
É o que eu digo. Se querem ficar em coma, morrer, é com eles, agora, não tirem a vida a um inocente.
kisses


Anonymous

"Just remember that death is not the end "

Até pode ser, mas eu não me apetece ir já descobrir se assim o é, só porque um idiota bebeu demais e bateu contra o meu carro a alta velocidade.
Saudações alienígenas


Canephora
"e quando pisam o risco a primeira vez... acabar as oportunidades. É que quem eles matam ou os tornam deficiêntes não têm 2ªs oportunidades."

Deveria ser assim, mas nós temos um código premissivo, é multazita para cá, multazita para lá, e as pessoas vão morrendo que nem moscas.
Beijinhos


SU
Deveriam ter, não deveriam? O que lhes falta?
Beijinhos


ALIEN8

Crescem as vitimas mano. É a triste realidade :/
Beijinhos alienígenas


FOXY
Tu tens a atitude certa e provavelmete o teu pai não bebe quando sai com o seu carro. Acho que o ser humano hoje em dia já tem acesso à informação, tem acesso à educação/ faculdade, algo que os nossos avós não tinha...não acredito que seja um problema de imitação.
Beijinhos


IAS
Assim eu fico sem jeito meu Guaraná gresquinho ;) Já estou a corar!
Um beijinho do tamanho do mundo
p.s tenho de passar pelo nosso ponto de encontro


GATA VERDE

Essa seria a solução,pelo menos se forem pegar num carro.
beijinhos


LU

"que esta malta perceba que andar de carro é mais do que coordenar as mudanças com a embraiagem e o acelerador... e abrir à força toda!!!"

Acho que não podemos esperar sentados. Há sim que "acordar" as pessoas.
Beijinhos
p.s desaparecida graças ao computador : /


SU

AMEI A MINHA PRENDA! :)))))))
Beijinhos

 
At 5:40 PM, Blogger ANNA-LYS said...

________________I Have
_______________Come Here
______________To Wish You
_____________Merry Christmas
____________And Also, A Happy
___________New Year To You For
__________2009... I Hope The New
_________Year Brings You Loads Of
________Happiness And Good Health.
______I Hope You Have A Nice Day On
_____Christmas Day, Filled With Lots Of
____Family Time.....And Of Course Eating
___Lots Of Nice Foods, And Candies. I Hope
__That Santa Is Good To You As Well And He
.Brings You Lots Of Presents On Christmas Day
_______________XXXXXXXX
_______________XXXXXXXX
_______________XXXXXXXX
_______________XXXXXXXX..

 
At 7:33 AM, Blogger Rui said...

As campanhas em Portugal são imbecis por terem como "moto" : "Se conduzir não beba!"
Deveriam transmitir a mensagem; "Se beber não conduza"!
A diferença pode parecer mínima mas é enormíssima para o país e povo em causa!
Jinho!!

 
At 12:28 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Rui
Entendo perfeitamente o que queres dizer,acredita e sim faz toda a diferença. O problema das nossas campanhas é que não são suficientemente agressivas/criativas. Existe um GIGANTESCO medo por parte das agências e do Estado em criar campanhas que choquem as pessoas. Lá fora fazem-se campanhas fenomenais e que fazem pensar duas vezes quem as vê. Por cá, é sempre a mesma formula,assim não vamos a lado nenhum.
Beijinhos

 

Post a Comment

<< Home