Tuesday, February 13, 2007

Image Hosted by ImageShack.us
Um Dr. House em cada Terrestre.
-
Independentemente do sexo, existe um Dr. House em todos os terrestres.
E em alguns Aliens. Este senhor é uma personagem de ficção criada por David Shore. Se retirarmos do contexto o facto de Dr.house ser um médico que consegue resolver os mais enigmáticos casos da medicina e o encararmos apenas como um ser humano. Podemos facilmente encontrar nele características que estão presentes em todos nós.
-
Não brinques! Não estou a brincar. A verdade é que muitos de nós ocultamos aquilo que o Dr.House revela ao mundo. Outros nem por isso. Vamos começar pela arrogância. A do Dr.House tem a sua piada, porque é sempre acompanhada por uma pitada de humor e algum charme. E porque obviamente é ficcionada. Mas, se olharmos à nossa volta o que vemos mais são terrestres arrogantes, que ainda por cima não têm motivos para o serem. Ao Dr.House temos de lhe dar um desconto derivado ao seu brilhantismo. Agora, o que me dizem daqueles terrestres que se acham a oitava maravilha do mundo, uma inteligência suprema, que rebaixam outros, quando no fundo têm de usar uma calculadora para saber quanto são dois mais dois.
-
A verdade. Quantas vezes não nos apeteceu esquecer as boas maneiras e dizer àquela pessoa o que estava a correr no circuito do nosso cérebro? Dizer o que realmente nos apetecia, mas por uma questão de misericórdia não o fizémos. Estava quase para sair. Aquela piada sarcástica, aquela gargalhada despropositada, mas contivemo-nos. E porquê? O Dr.House não se contém. E vamos ser sinceros, eu já dei essa gargalhada e já me saí com um comentário sarcástico. Não que me aconteça frequentemente como ao médico, mas já aconteceu. O bichinho está cá dentro. Está dentro de nós. No dia em que o soltarmos totalmente, seremos todos Dr.Houses.
-
Humanidade. Por detrás da fachada, existe um ser humano que se preocupa com os outros, mas que não quer ser magoado por eles. Assim, deixa que a sua parte mais fria entre em acção, de forma a que os outros não queiram de forma alguma criar laços emocionais com ele. No entanto, isto não quer dizer que ele no fundo não se preocupe. Por isto, há esperança, se nos tornarmos todos Dr.Houses. Vai ser uma festa linda. Vamos andar todos ao estalo. Mas de vez em quando teremos momentos de humanidade.
-
O poder de observação do Dr.House. Se deixarmos de andar tão absorvidos com o nosso próprio umbigo e começarmos a olhar em redor, veremos que o Dr. House não é nenhum génio. Ele simplesmente olha para o outro com olhos de ver. É no detalhe que o outro se revela. E também nós temos capacidade para perceber o outro se lhe dedicarmos verdadeiramente a nossa atenção.
-
Os olhos azuis, bem, nesta quem os tem está servido. Os/As terrestres que os não detêm, não vão sofrer por isso. Existem as chamadas lentes de contacto que resolvem o problema.
-
O contornar as situações com o humor. O Dr. House quando pretende algo, usa frequentemente o humor. Geralmente com a administradora do hospital. E não só. Numa sociedade tão cinzenta como a nossa é algo inconcebível. Tentar conseguir algo do nosso patrão usando planos humorísticos maquiavélicos seria catastrófico, mas, se e quando chegarmos lá, vai ter piada. Há se vai ter!
-
Os comprimidos. Sim o Dr.House é um viciado. E nós não seremos? Temos uma dor de cabeça, lá vai uma aspirina ou um variante. Uma constipação e encharcamo-nos em comprimidos. Uma gripe, e o rol de comprimidos aumenta. Andamos deprimidos e ai meus Deuses do Universo, nem entro por aí. Temos comprimidos para tudo. Para uma dor, temos um comprimido. Seremos tão diferentes do Dr.House? Vejam o quadro todo, não só um elemento isolado.
-
Não sei se o mundo seria melhor ou pior se todos nós deixássemos saltar cá para fora o Dr.House que vive dentro de nós. Mais honesto acho que seria. Mais cru seria. Nunca o saberemos porque o ser humano não se revela a não ser em séries de ficção.
-
Mas isto sou só eu

49 Comments:

At 10:39 PM, Anonymous ex-visionaria said...

I'm your first!!!!!!(hihhihihi)...


Ele é (um) dos esterotipos de pessoas que me agradam:
a sua arrogância deve-se ao facto de ser uma pessoa que OBSERVA, ESCUTA E PREOCUPA-SE, VAI DIRECTO AO ASSUNTO sem contornos, sem encobrir.Gosto disso.

Ele nao precisa "de agradar"...é profissional e nao deixa de ter o seu humor: tambem aprecio emenso.

Apesar desse lado "mais frio", a arrogância, é uma pessoa carente....

Todos nós temos, de facto, um Dr House dentro de nós.Eu por exemplo, por vezes posso ser arrogante mas porque gosto de encarar as coisas de frente e tentar ajudar, ainda que possa doer.Costuma-se dizer, e muito bem: "o que arde cura."...e muitas das vezes que é duro connosco é porque se preocupa!!!

Beijocas xxl......pois...já não há Visionaria....

 
At 11:32 PM, Blogger poca said...

eu adoro o Dr House! é um querido! um fofo!

faltou-te a intuição na imensa lista... ele tem palpites intuitivos de quem ouve a intuição... quantas vezes nós também somos visitados por esta senhora e a calamos?

beijinhos

 
At 12:14 AM, Blogger Karl Macx said...

Bem, desde que não tenha de usar bengala e usar lentes de contactos (os meus olhos castanhos, de encantos tamanhos, são pecados de alguém...), posso bem com a comparação.
Ahhh, Alien, o House não é arrogante. É o que dá passar a maior parte do tempo a ter razão... ;)

 
At 12:30 AM, Blogger peace_love said...

Realmente tens razão e acho o Dr House uma personagem deliciosa. By the way,hoje é dia de House na fox! hehe

 
At 1:26 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Visi, antes de mais, se voltas a comentar como EX-Visionária lol Levas duas chapadas virtuais que até andas de lado! ;) Eu gosto da minha Visionária e quero-a de volta aqui no meu blog.Não gosto deste novo nick, até porque quando "clicamos" nele não vamos dar ao teu blog. Estamos entendidas? :D E gosto do olho que vê tudo! Como disseste uma vez lol
E sim, tens razão ele esconde a sua carência atrás da sua arrogância. E nós não nos escondemos muitas vezes tal como ele?
Nós seres humanos não somos assim tão diferentes desta personagem ficcionada! É esta a minha maneira de ver as coisas, mas eu não tenho o monopólio da verdade, cada um de nós vê a vida de uma forma diferente e todos estamos certos e todos estamos errados.
"Eu por exemplo, por vezes posso ser arrogante mas porque gosto de encarar as coisas de frente e tentar ajudar, ainda que possa doer."
É a tua maneira de ser. E há quem o entende e quem não o entenda. Se fores compreendida muito bem. Se não fores também existem sempre disabores. Mas a vida é assim. A personalidade de cada um não muda para se adaptar aos outros! ;)Não é?Nem deve!
Beijosssssssssssssssss VISI
p.s espero bem que o teu próximo comentário seja como VISIONÁRIA senão vai haver sangue lol




Poca/Off
Tens toda a razão. Faltou. E sim, ignoramos frequentemente a nossa intuição coisa que ele não faz. Foi muito bem observado Poca. És a prova de que afinal o que escrevi não é assim tão absurdo. Tu tens um Dr.House dentro de ti. ;) Foste bastante observadora, não te escapou nada!
Beijos Miss house



Karl,lol que te posso dizer? Dr.House is in the House.


peace_love,a questão não é ele ser ou não uma personagem deliciosa. Mas sim, se nós temos ou não um Dr.house dentro de nós. E se o temos, como seria se o soltássemos?;)
Beijos

 
At 2:17 AM, Blogger vicio said...

concordo contigo quando dizes que todos temos um Dr. House em nós!

A verdade. Misericórdia já não se usa! Por vezes deixamos uma resposta por dar apenas por achar que não vale a pena a perda de tempo... e isso pode dar-nos uma imagem arrogante mas que se lixe!

Humanidade. Acho que é o mais usado por quase toda a gente! vestir uma carapaça intransponivel para esconder o interior "mole".

O poder de observação. Algo bastante importante e que se usa pouco! quantos já te disseram que a hora que fica gravada nos comentarios que te deixam está definida num fuso horario de - 8 horas?

Os olhos azuis. Prefiro a cor dos meus para além de achar que cor sem forma ou expressão não é tudo.

O contornar as situações com o humor. Com o chefe? garanto-te que é possivel se soubermos não abusar! ;)

Os comprimidos. não concordo! há os que só os usam mesmo quando não podem mais e o stock domestico é zero!

Epilogo: todos como ele era dificil viver! tem que haver de todos os tipos para haver equilibrio!

espero ter entendido o teu texto para não ter que o reler!

 
At 3:04 AM, Blogger O Monarca said...

É um amador.

Puro e simples.

Do que vi, nada de novo. Nada de novo mesmo.

 
At 3:11 AM, Blogger Nomyia said...

Sei de muita gente que faltou a certos eventos porque ficaram a ver o House pela madrugada adentro!
Para mim, o que torna o House tão apelativo é o facto de possuir qualidades detestáveis e no entanto, deliciarmo-nos com ele! Afinal quem é que é perverso? Ele? Ou nós por gostarmos dele? Ah e ele (na ficção claro) deve ser escorpião:p
*****

 
At 3:21 AM, Blogger Casemiro dos Plásticos said...

esse dr. house é um senhor!

 
At 4:09 AM, Blogger Alien8 said...

Olá mana,

Bem observado, embora me pareça que o Dr. House da série tem uma qualidade que não é fácil ver-se na vida real. Não quero dizer "uma" qualidade, mas qualidade em grande escala, e pronto. Será por ser ficção, certamente. É por aí que o homem nos convence, a nós e à patroa lá do hospital. Uma coisa é certa: o Dr. House é uma figuraça!

Uma boa semana!
Um abraço alienígena!

 
At 7:21 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Vicio,
Concordo, quando dizes que não a damos porque achamos que NEM VALE A PENA a darmos, perante seres estúpidos. Mas noutros casos é mesmo por uma questão de sermos misericordiosos. Afinal quando queremos até somos seres bondosos.

Humanidade. Sim. É. Infelizmente.

Poder de observação. Foram poucos. lol E eu até teria explicado o motivo pelo qual o mantenho assim.

Cor. A expressão vale mais. Estamos de acordo.

Humor/Contornar. Possível, mas não da forma maquiavélica que o House pratica. Ele leva a extremos.


Comprimidos. Há excepções, claro!

Claro que se todos soltássemos o House que temos dentro de nós seria uma festa. Como digo no texto. Andávamos todos ao estalo. Tendo de vez em quando uns momentos de humanidade.
Pergunto se seria um mundo mais honesto? Seria! Mas também seria um mundo desequilibrado como referiste. Um mundo cru como referi.Mas nunca o saberemos. Só podemos fazer este exercício, que já é muito bom a meu ver.
Saudações alienígenas
p.s. entendeste muito bem o meu texto, e eu desta vez consegui entender o teu comentário! ;)



Monarca,
"É um amador?"
Lês os textos?
Tu é que já não trazes nada de novo monarca. Não tens nada para dizer sobre assunto nenhum e limitas-te a escrever sempre o mesmo. Quando mudas de discurso amigo? Este perdeu a piada.
Saudações alienígenas



Nomyia,
"qualidades detestáveis e no entanto, deliciarmo-nos com ele!"
Nomyia e achas que essas qualidades de que falas não se encontram em nós? Só que controladas, enquanto que nele andam à solta. É nisto que eu falo. Será que nós gostamos tanto dele porque no fundo nos identificamos com ele porque o que ele diz e faz é que nós queríamos fazer e não fazemos porque nos controlamos demais...mas no fundo temos um Dr.House dentro de nós pronto a sair de deixarmos. Foi sobre isto que divaguei. É sobre isto que gostava de saber a tua opinião.
Beijinhos




Case, sim é um senhor. Agora dá-me a tua opinião sobre o texto! lol
Beijos doido



Alien8, mano mas essa "qualidade" que não é só uma. Eu entendi, está dentro de ti, de mim, de muitos terrestres. No entanto, não é assim tão simples porque se todos nos tornarmos em Dr.Houses a sociedade torna-se em algo sem regras. Ele não cumpre regras .Podemos passar a ser mais honestos, mais TUDO, mas teremos de lidar com as consequências de sermos Dr.Houses. Não sei se me faço entender?
Saudações alienígenas

 
At 2:08 PM, Blogger Tuche said...

Amiga eu vou ser sincera, aliás como sempre.
Não sou fã desta série Dr.House, mas agora ao ler com atenção esta análise que fazes penso que se existissem uns quantos Dr.Houses por este mundo não seria mau de todo.
A arrogância dele e a frieza com que trata as pessoas choca porque não trata ninguém
como "coitadinhos"...

Acho que é um grande mal que "nós" Portugueses temos enraizado, é a de querermos ser uns coitadinhos.

Fantástico post como sempre :)

Um beijão

 
At 4:19 PM, Blogger Barão da Tróia II said...

Partilho inteiramente deste teu post, brilhante como de costume. Boa semana

 
At 4:32 PM, Anonymous ex-visionaria ou beta ambas gostam de ti said...

(...continuo abananada, depois de duas reviravoltas....):O

lolololol.......é mesmo, nina, a tua Visi ja nao existe...mas estou cá eu....agora é so escolher...Beta ou ex-visionaria(escolhi o ultimo pois assim qqr um me identifica.....continuo por cá!!)

 
At 4:34 PM, Anonymous ex-visionaria ou Beta ambas gostam de ti said...

(enviei-te um email a explicar)

 
At 4:35 PM, Blogger Belzebu said...

Quem sou eu para discordar? O post está muito bem escrito e tal e tal e tal...mas quem é esse tal DR.Casa? A antena parabólica cá dos infernos anda meia abananada!

eheh!! Saudações infernais!

 
At 5:24 PM, Anonymous Anonymous said...

eu gosto dos olhinhos azuis. Ui, Ui!
jinhos meus
isamar

 
At 5:24 PM, Anonymous Anonymous said...

isamar em www.falabixinho.blogspot.com

 
At 6:27 PM, Blogger Catarino said...

Parece que veio a calhar...Ontem eram quatro da manhã quando me deitei, sabes a fazer o que?A ver Dr. House, Consegui acabar a primeira teporada tda ontem, hoje começo com a segunda...
Era só para ver um episódio poi tinha muito que fazer, acabei por ver 9 ou 10, seguidos(!)..
Mas onde eu quero chegar com isto tudo é que realmente ele é viciante, mesmo eu não percebendo nada de medicina e sabendo de antemão que 99,9% dos casos se vão safar, continuo a ver ceio de entusiasmo...
è mesmo viciante, talvez por me rever em alguns aspectos nele, tal como tu disseste, ou talvez (e isto é bem mais grave) por alguma inveja, de não conseguir, ou de ter medo de ser como aquele personagem enigmático, carrancudo, mal-disposto, que consegue captar para si o bom, o belo, ter amigos fieis, ter uma mulher que gosta dele, mesmo sendo como ele é (Cameron). è um misto de mau com bom, não sei...
Sem dúvida uma grande produção...
Beijito

 
At 7:16 PM, Blogger 1/2Kg de Broa said...

Eu gosto de ver o Dr. House, mas tenho certas dúvidas se vocês gostavam de ter alguém como ele por perto. Ser ele até deve ser engraçado. Estar com ele é que se calhar não. Mas isto é só a minha opinião.
Quantas de vocês mulheres gostam de ouvir alguma coisa bonita, mesmo que seja só para agradar? Pois.. com ele não há.
Quantos de vocês gostam que levem a sério os vossos assuntos e preocupações? Pois.. com ele esqueçam.
Eu admiro a maneira de ser desta personagem, mas também admito que para grande parte das pessoas seria difícil conviver com ele.
Beijos ;)

 
At 8:06 PM, Blogger Cruzeiro said...

Eu confesso-me uma fan do Dr.House, e julgo que é exactamente pelos pontos negativos que ele tem que faz dele um personagem tão apreciado pela maioria dos fans da serie, no fundo é como dizes, ele é um bocado aquilo que todos nos por vezes temos vontade de ser mas não não deixamos que saia...
Beijinhos

 
At 9:54 PM, Blogger Alien David Sousa said...

Tuché amiga, és mais que isso. A questão que te coloco é se não existe lá no fundo um Dr.house dentro de ti. Que só não soltas porque tens um controlo muito grande da tua pessoa. Mas que por vezes tens vontade de libertar. Porque foste educada de uma determinada forma e tens determinados princípios, no entanto...se pensares bem se calhar já tiveste dias em que te comportaste ou tiveste algumas atitudes muito parecidas com as do Dr.House. Dias em que o bichinho saiu cá para fora. O Dr.House deixa-o andar SEMPRE à solta, é essa a diferença!;)
beijinhossssssssssssss



Barão, um beijinho.
p.s devo-te uma visita.;)



VISI, para mim és a VISI e mais nada. Li o teu email e estou muito triste. :(
Um beijinho



Belzebu,essa parabólica não apanha a TVI! Bolas são mesmo coisas do diabo!! ;)
Beijos diabinho




Isamar, ok ficou registado. Mas não bem essa a questão que levanto no texto! lol
beijos



Catarino
"talvez por me rever em alguns aspectos nele, "

"ou de ter medo de ser como aquele personagem enigmático, carrancudo, mal-disposto, que consegue captar para si o bom, o belo, ter amigos fieis, ter uma mulher que gosta dele, mesmo sendo como ele é (Cameron). è um misto de mau com bom"

É isso Catarino. Nós temos muito de Dr.house. Pelo menos eu acho que sim. A única diferença é que nós nos controlamos e ele não. Nós pensamos 4 vezes antes de agir e ele não. Nós pensamos 10 vezes antes de dizer algo e ele não pensa diz logo. Ele não coloca paninhos quentes, ele diz.No entanto, se todos nós soltássemos o Dr.house que vive dentro de nós não iríamos conseguir coabitar juntos. Seria impossível. Andaríamos todos ao estalo. lol Porque como tu disseste. Para ele ser o Dr.House, tem amigos fiéis que não são como ele. Se os amigos fossem como ele. Se a Cameron fosse como ele, não estaria apaixonada, entendes?
Beijinhos



1/2Kg de Broa,não se trata de ter alguém como ele por perto.
Não entendeste o que quis dizer.
A questão é se há ou não um Dr.House em cada um de nós!
Beijinhos



Cruzeiro,
"ele é um bocado aquilo que todos nos por vezes temos vontade de ser mas não não deixamos que saia..."
É isso mesmo que eu penso cruzeiro.;)
E se deixássemos seria o Caos!lol
Beijinhos

 
At 10:19 PM, Anonymous Visi said...

Prontus...fica Visi

 
At 10:27 PM, Blogger Haddock said...

Ulha, outro post em minha homenagem!! E não é pela batatada, mais as chapadas virtuais (o que é que se passa com a Visionária??) ou pelos viciados do texto, é porque esse doutorzeco (que é um gajo de ficção; é importante dizer-se isto, pois nem toda a gente vê televisão!) foi inspirado na minha excelsa pessoa. Ah pois foi!! Nunca viram o genérico da série, não? Reparem... mesmo quase no fim aparece "qualquer semelhança com o capitão haddock é pura evidência". Duro por fora, mas um doce por dentro. No fundo, um tímido cheio de boas intenções. Um tipo que esconde as suas preocupações para não preocupar os outros; preocupações com a guerra no Iraque, com a nova taxa (cega) de recolha de resíduos sólidos urbanos (eu que não faço lixo!)e com o que vestir amanhã. E as barbas... querem maior evidência? ah, e não sabem porque não me vêem, mas a cirrose anda a atacar-me uma perna, que já só se move de arrasto. Que tal? Portanto, todos os comentários elogiosos que aqui se fizerem a esse meco devem ser, por respeito aos direitos de autor (tu deves saber disto, Alien, já que és copista), endereçados à minha excelsa pessoa. Gostei! Bjsssss

 
At 11:29 PM, Blogger Ana said...

Adoro o Dr.House!!!
Apesar da sua arrogancia, da sua aparente indeferencia e da sua irritante inteligencia!!Talvez seja essa a formula do sucesso :)
Bem os Dr.House do seculo XXI, principalmente as mulheres resolvem tudo com o belo do Trifene, que como já ouvi dizer: "não faz mal nem bem, mas se te sentes bem qdo tomas..."
Um bom exemplo dos Dr.House que todos temos em casa é a Mãe...antes de nos queixarmos ja sabe o que temos;sabe qual é o remedio caseiro para nos nossos pequenos males; já sabe o que o medico nos vai receitar para mais uma faringite!!!


Bem sei que fugi um pouco ao assunto do post...mas olha foi para o que me deu hj!!!


bjs

 
At 12:14 AM, Blogger © JJCN 07 said...

"Se não existe lá no fundo um Dr.house dentro de mim"?

Sim, existe!

Mas se eu o solta-se, num instante
ia parar ao Hospital :)

 
At 1:38 AM, Blogger Paróquia São Miguel said...

Então não existe um Dr. House dentro de mim.


Eu sou capaz de correr!

 
At 2:12 AM, Blogger mymind said...

eu gosto da serie, o tipo as x tem piada outras n, lool, agr a seriu ele sabe msm akilo k fax, e a competencia eh uma coixa mto important!!
bju

 
At 2:58 AM, Blogger Diabba said...

Para que conste: EU é que sou a 1ª maravilha mundial!! (ar ufano) as outras vêm muitoooooo lá atrás!!

beijo (com ar aristocrático) de enxofre

 
At 4:10 AM, Blogger geo said...

das melhores series dos ultimos tempos :)

 
At 5:11 PM, Blogger Fábula said...

eu gosto da personagem, mas não gosto particularmente da série....
(agora vou-me, vou à procura do dr. house que tenho dentro de mim) ;)

 
At 6:54 PM, Blogger Rui said...

Talvez seja verdade que "de são, de louco e de Dr. House, todos temos um pouco". Mas olha que cientificamente a série é altamente "In-provavel" e no entanto tento não perder os episódios. É uma série plena de constrastes brilhantes, tal como quase toda a gente deste teu planeta adoptivo. É esta uma das nossas maiores belezas e um dos nossos fardos mais dificeis de carregar.
R.

 
At 7:13 PM, Blogger miruii said...

Pois, quem tem cu tem medo.
E eu que tenho asas, não me meto com quem mas pode queimar.
Ainda se eu as tivesse fortes como ele! Só se atreve a ser assim quem pode e não quem quer!
Eu sou o mosquito mais mini que há, mas gosto do House e gosto, gosto de ti.

 
At 8:42 PM, Blogger Alien David Sousa said...

VISI :D
Eu sempre te tratei por VISI mesmo quando eras Visionária LOL ;)
Beijossssssssssssssss



Haddock,a Visi decidiu acabar com o Blog dela. Pouf. Apagou o Blog.Foi-se. :( Não ela. O Blog.
Caro Haddock, apesar de me teres feito sorrir, tenho de te chamar à terra e dizer que este texto não foi e não é em tua homenagem lol Mas sim dedicado a TODOS os terrestres.;)
Um aparte; ele tem barba de dois dias. Tu tens barba de quem está numa ilha deserta há dois anos!
"copista" lol Quantas vezes tenho de te dizer que é "Copywriter! :D
Ai ai ai Haddock o que é que eu vou fazer contigo??;)
Beijoss



Ana,
"Um bom exemplo dos Dr.House que todos temos em casa é a Mãe...antes de nos queixarmos ja sabe o que temos"
Adorei Ana. Por ser verdade. A minha mãe quando eu era pequena e andava toda contente pela casa e ainda não me queixava de nada já sabia que algo estava errado e o meu pai dizia que ela era maluca. E no dia seguinte lá estava eu...:|
Intuição. Sim.Dr.House.Sim.
E não fugiste nada ao assunto!
Beijinhos



JJ Mestre da Lente,acredito. E não serias o único.;)


Paróquia São Miguel,ele conseguiu depois da operação. ;)


Mymind, sim eu também gosto da série. E gosto do personagem. Mas diz-me mymind tu que gostas de desafios. Existe ou não um Dr.house em cada um de nós? É essa a minha questão!
bjs



Diabba,hummm és a 1 maravilha do mundo? lol Sua convencida! ;)
E quanto ao meu texto? Achas que existe um Dr.House em cada um de nós?
bjs



Geo, sim! A seguir aos ficheiros secretos. E quanto ao texto? Tens um Dr. House dentro de ti?
bjs


Fábula,lol quando o achares...vem contar o que ele te disse!
beijos


Rui
Percebi agora que estou com saudades tuas e do teu cantinho!:D
"série é altamente "In-provavel" , claro rui, porque se trata de uma série.:D
Mas, é como dizes, todos temos um pouco de Dr.house. Eu não me debrucei sobre a série mas sim sobre as características do personagem principal. Como disse no texto, ele revela o que nós escondemos.
Beijos




miruii,gostei do teu comentário lol fez-me sorrir mas disseste muito ali.
Beijos

 
At 9:34 PM, Blogger Haddock said...

Ai é?? Então, quero BEJECAS NOVAS!!
E, Alien, como é isso de não saberes o que fazer comigo? ;) (vê tu que, por ti, até já me rendi à pueril sinalética bloguiana...)
Olha, uma ideia era convidares-me para um almoçareco no Tia Janica para umas saborosas fêveras de novilho :P Eu escolho o binho... Bjssssssssssssssss

(ah, e já fui puxar ajorelhas à Visi...)

 
At 12:08 AM, Blogger ah e tal (c) said...

O dr House é uma criança em ponto adulto.

;)

beijooooooooooooooosssssssssssssss
(paaaaaaaaa isstoooooooooo fazzzz ecooooooooo!)
paaaaaaaaaaaaaaaaaraaaaaa a minhaaaa maninhaaaaaaaaaa

 
At 12:15 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Haddock, bejecas só se as comprares lol tão cedo nada disso aqui no blog.
"pueril sinalética bloguiana"lol E fizeste tu muito bem. Tens de te render ao avançar dos tempos.Oh a Tia Janica!! Fui tão feliz na Tia Janica!!Nem tu calculas. Eu até te convidava, mas depois acabavas o almoço num estado miserável(binho) e eu tinha de te arrastar até ao carro e aturar o caminho todo...:| nahhhhhhhhhhhhhhhh
Beijosss
p.s espero que não as tenhas arrancado ;)a Visi precisa delas lol



Cat...ah e tal,LOL e nós não somos!!! lol nahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh
beijinhossssssssssssss

 
At 12:48 AM, Blogger ah e tal (c) said...

O Dr House libertou-se do padrão social que diz que devemos crescer, assumir responsabilidades, sermos maduros, adultos, libertando a criança que há dentro dele (só possivel em ficção)enquanto nós todos na realidade temos que nos controlar em público, assumindo aquilo que a sociedade espera de nós.

Beijooooooossssss
epaaa ooo ecoooo continuaaaaaaa
sisteeeerr

 
At 12:50 AM, Blogger ah e tal (c) said...

Por exemplo a necessidade constante do House de mostrar que é infeliz,que é uma vitima, porque precisa de atenção tal e qual uma criança pequena e tal e qual uma parte de nós.

 
At 1:02 AM, Blogger Alien David Sousa said...

CAT, AH e TAl, não poderia estar mais de acordo contigo nesse ponto. Foi algo que não mencionei no texto mas com o qual concordo.

" temos que nos controlar em público, assumindo aquilo que a sociedade espera de nós."

Ele não se controla e não leva a cabo um comportamento dito "normal" dentro da sociedade aonde está inserido. Sim, ele comporta-se de certa forma como uma criança, sem regras, as regras são-lhe impostas pelas pessoas com quem trabalha. A administradora que desempenha o papel de uma mãe. Que o tenta controlar. :D

O eco continua? lol E eu oiço vozes heheeh


"que é uma vitima, porque precisa de atenção tal e qual uma criança pequena e tal e qual uma parte de nós."

Eu não sei que ele quer ser uma vitima CAT. Nós é que sabemos que ele no fundo sofre. Porque ele em vários episódios sempre recusou ser tratado como um coitadinho. Ele no fundo precisa de ajuda, não a quer é pedir. E aí sim está a agir de uma forma imatura.


Bolas continuo a ouvir vozes!! Isto continua a fazer ECO para ti mana????
Beijossssssssssss

 
At 1:23 AM, Blogger ah e tal (c) said...

Mas passa a mensagem de carenciado mesmo sem admitir que precisa,(as crianças também não admitem fazem birra para o conseguir muitas vezes) através de todo o comportamento e atitudes que ele tem e consequentemente todas as pessoas sentem que devem tomar conta dele daí a mãe(a administradora) e o pai
(o outro médico acho que é neurologista) e a cameron(a segunda "mãe" que é também o oposto dele, uma pessoa que assume todos os padrões sociais e que está no paramêtros do que é um bom exemplo."Os opostos atraiem-se" já dizem ;)

Paaaaaaaa ta um ecooo do caraçaaaasss aindaaaaaaa!!!xiçaaaa!
Beijooooooosssssss
Aindaaaa ouveeeess as vozeeeesss?

 
At 3:18 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Ah e tal do caraças...CAT :D
Tens razão!A não ser em relação à Cameron...essa não quer ser mãe dele. Essa quer bricar aos médicos com ele. Isto é. A personalidade dele é o que faz com que ela se sinta atraida mas não como uma mãe. lol Ela quer cuidar dele noutro sentido. E sim os pais dele são sem dúvida a administradora e o melhor amigo.
E nós? Não temos um Dr.house dentro de nós?? Não somos assim um pouco? Huh?!?
Tu e a porra do eco...eu que não paro de ouvir vozes!! E o pessoal que aqui vem também tem das suas, uns admitem outros nem por isso ;)!!!
Beijosssssssssssssss

 
At 6:10 PM, Blogger pisconight said...

O Dr House é o maior!!
Boa série, embora gostava mais que desse um pouco mais cedo...
;)

 
At 8:52 PM, Blogger Alien David Sousa said...

pisconight, também eu! E tu? Tens um Dr. house dentro de ti? Conta-me lá!
bjs

 
At 3:46 AM, Blogger poca said...

dá hoje à meia noite e um quarto na 4! iupiiiiiiii

(é o único programa de televisão que sei quando dá :)

 
At 8:40 PM, Blogger Alien David Sousa said...

LOL POCA
beijinhos

 
At 2:16 AM, Blogger rosa said...

nunca vi isso, para mim é um mito-urbano-feminino.

 
At 2:14 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Rosa, lol Tens de ver! Depois trocamos uma linhas. ;)
beijos

 
At 6:01 PM, Blogger rosa said...

ok...rendi-me.
ja vi
e tornei a ver.
o sujeito é engraçado.

quanto ao q realmente falas neste post, digo eu, a tal coisa de dizermos o q nos dá na real gana...
é tramado, ja fui assim, uma desbocada. nem sempre compensa. talvez se dissesse com um bocadinho de acido...
cresci. e agora n digo tudo o q penso. em compensaçao penso mais.

este post tem pano pra mangas (as usual) mas fico por aqui. stop.

 

Post a Comment

<< Home