Friday, February 17, 2006



Os fundamentalistas.

Fiquei a pensar. Um senhor, muito indignado comigo, deixou um comentário negativo sobre a minha piada Reader’s Digest. A dita cuja é sobre Deus, e eu acho que esta história das religiões está a entrar num descontrolo emocional gigantesco. O indivíduo que não me conhece – como refiro no contra-comentário – afirma peremptoriamente que eu não acredito em Deus e isto fez-me pensar. Como é que ele sabe? Anda a vigiar as minhas saídas de casa para saber se vou à missa?
Será que as pessoas estão a ficar tão cegas e obcecadas e a perder a única arma que temos contra esta vida, difícil por vezes, que é o humor.
Sou daquelas que acredita que as palavras e os actos devem ser doseados, no entanto, terei eu de abdicar da minha liberdade de expressão por completo? Terei eu de ler os meus textos trezentas vezes para verificar se existe a mais pequena, remota mesmo, possibilidade de ofender alguém com uma simples palavra?
Há que ter bom senso, claro. Concordo com o irado sujeito que está ofendido em nome da igreja católica. Mas será que o seu bom senso é o mesmo que o meu? Ficou assim tão magoado? Se lhe dissesse que acredito em Deus, o senhor diria então que estou possuída por um espírito maligno. Venha o exorcismo! Julgar é fácil, o difícil é pensar. Os exageros levam às maiores atrocidades e, acho que este amigo sobre do “bug” dos noticiários. Se ficou tão exaltado com a minha piada, eu nem quero imaginar o que este sujeito fará a outro que lhe conte cara a cara, uma piada sobre Deus. Em nome da religião, homens morrem na Irlanda, em nome de Deus a inquisição matou uma imensidão de seres humanos. Acreditando ou não em Deus, não acredito nos fundamentalistas, sou contra os exageros e os exagerados, que só fazem é criar um clima que incentiva a violência. Será o ofendido em questão um desses fundamentalistas?
Meus amigos, a opinião deste senhor pode ser lida no Post abaixo. O que eu quero é ouvir a vossa opinião. Avaliem a minha piada e digam-me se cometi um crime tão horrendo como o “indignado” pensa. Acredito que quem comete um crime deve pagar, estou à vossa mercê. Se acharem que o indignado tem razão para ter ficado tão ofendido, tratarei de me auto-punir sem misericórdia, será feio!



5 Comments:

At 7:58 PM, Blogger nuno said...

nao me ri da piada, mas tenho a tua opinia neste assunto...
nao te deixes levar por fanáticos e falsos moralistas.
continua o bom trabalho

 
At 8:34 PM, Blogger Alien David Sousa said...

Obrigada Nuno. Ufa! Ando preocupada com a história de me ter de auto-mutilar. :)

 
At 7:49 AM, Blogger X said...

O QUE É UMA LÉSBICA COM PÉ BOTO? alguém me responde?
X

 
At 8:43 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Acho que não sou a pessoa indicada para te ajudar meu caro Dr garcia. :)

 
At 5:48 AM, Blogger uivomania said...

Sinceramente... a piada, é fraca.

 

Post a Comment

<< Home