Friday, February 22, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
Uma questão de confiança.
-
Encontrava-me a trabalhar no meu computador quando me deparei com esta mensagem, não queria acreditar. Não sei precisar quanto tempo a contemplei, o meu antivírus não bramiu, a minha firewall não acusou a entrada de nenhum elemento estranho no meu computador e, ali estava eu perante este aviso.
-
Tinha de tomar uma decisão. Racional. A minha reacção inicial foi de cólera, eu não dei qualquer tipo de permissão para que Jesus se sentisse no direito de mudar a minha vida. Logo após à cólera seguiu-se o pânico, sim o pânico! O que terá ele mudado?
-
A minha vidinha alienígena é a minha vidinha alienígena, já me habituei a ela.
-
E se ele resolveu mudar a minha personalidade e me transformou numa alien que vê tudo cor-de-rosa e que dá pequenos pulos assobiando ao passear pela cidade? Pânico! E se por acaso resolveu mudar o meu sexo? Pânico! E se nesse dia estava mal disposto e resolveu transformar todos os meus amigos em criaturas simpáticas e sem conteúdo?
-
Como posso eu "clicar" no " yes", arriscando-me a acordar numa vida replecta de amigos que mais não são do que clones do Noddy , correndo ainda o risco de ser eu mesma uma mistura da abelha maia e do poupas da Rua Sésamo. Isto se ele tiver mantido a minha cor original.
-
Decidi que a opção viável seria o "cancel". Por uma questão de confiança.

Não gosto que tomem decisões por mim, não confio em ninguém no que toca a tomar decisões sobre a minha vida, confio somente em mim. Não me interessam as boas intenções, não me interessa quem as quer tomar, se me é chegado ou não. Claro que existem muitos "Jesus" entre nós, que tentam tomar decisões por nós e controlar as nossas vidas e, de certa forma conseguem fazê-lo.
-
Vivemos numa sociedade com regras, aonde esses tais "Jesus" criam leis para controlar e modificar as nossas vidas. A sabedoria reside em sabermos contornar esses seres e continuar a pressionar o "cancel".
-
É uma questão de tentar manter as rédeas da nossa vida nas nossas mãos.
Enquanto conseguirmos "clicar" no cancel, há esperança. No dia em que a nossa única opção for o "yes" é o dia em que as nossas vidas deixarão de nos pertencer.
-
Mas isto sou só eu

36 Comments:

At 3:20 PM, Blogger tulipa_negra said...

fizeste bem Alienzinha, eu também teria escolhido o "cancel"...

bjs

 
At 3:28 PM, Blogger Vício said...

me transformou numa alien que vê tudo cor-de-rosa e que dá pequenos pulos assobiando ao passear pela cidade?
até que foi divertida a imagem criada por mim! :D

 
At 3:59 PM, Blogger ANNA-LYS said...

Moa ha ha ha :-D

 
At 5:08 PM, Blogger Sentir said...

Aaaaii que os vírus terráqueos querem mesmo invadir tua CPU!
Muitos aqui estão contaminados – para não dizer condenados, os que não são spywares, liberam spams (involuntários realmente, totalmente sem conteúdo até pelo excesso de informação e inabilidade no processamento dos dados), sempre numa chamada curiosa ou cativante, com aquele apego emocional, que nos faz duvidar de nossos aplicativos, levando muitos a um upgrad desnecessário. Coisa de humano, padronizar a RAM, determinar a aparência do hardware e limitar os atributos do software.

A minha curiosidade é saber quem bolou tal OS mesmo quando a ROM era na pedra.

Seja sempre amarela! Adoro-te assim!

 
At 7:52 PM, Blogger ah e tal said...

mana......tenho uma coisa para te confessar......eu sou uma mistura de noddy com a floribela
(ou seja estou vestida com o boné do noddy e o macacão mas com 4 kg´s de silicone em cada mama, ou seja tou grávida das mamas)!!!

O_o

 
At 7:54 PM, Blogger ah e tal said...

depois admiro-me que estejam sempre a tentar abrir-me as "alas", segundo a música do noddy....

 
At 9:10 PM, Blogger Noz said...

Consigo concordar com o teu ponto de vista embora, pelo que compreendi do teu texto, se é que o compreendi, é que não sou assim tão radical. Sigo as minhas ideias, os meus pontos de vista e odeio que me tentem impor o que quer que seja mas gosto de me aconselhar com os amigos, os verdadeiros, ouço o que têm para dizer. Não quero dizer com isto que sigo sempre os seus pontos de vista, mas gosto de ouvi-los até porque o facto de estarmos convictos de algo, a convicção não torna esse algo na forma mais correcta de agir. É verdade que já dei por mim a mudar de caminho porque um amigo me fez ver que aquele não era o correcto, a decisão final foi minha, mas foi nas palavras desse amigo que encontrei um trilho melhor.
O que, por vezes, me acontece é, como vou contra tudo e todos, acabo por me sentir sozinho nas minhas decisões, sem o apoio que às vezes gostamos de sentir.
Olha, nem a propósito, actualmente sigo um caminho que todos os meus amigos me aconselharam a não seguir. Sabes aquela sensação em que até tu próprio tens noção que aquela decisão não é o melhor para ti mas é aquilo que queres, apesar de tudo, e acabas por tomá-la? Sim? Então sabes do que falo!

Em relação à sociedade, concordo contigo, esta tenta diariamente moldar-nos à sua imagem. É por isso que se chama sociedade de massas, onde tudo é igual e todos querem o mesmo. È muito difícil fugir-lhe, concordo, mas dá um gozo especial estar, por vezes (digo por vezes porque assumo que às vezes ando por lá), fora do rebanho e ver as ovelhas todas juntas em rebanho bradando pelo mesmo, méééééééé!
Eu vivo em sociedade e sinto-me muito bem com isso, apenas não tenho que optar por tudo o que esta me quer impor, gosto de escolher as minhas coisas, não gosto de moda, seja ela qual for!


Our pigeon: Jesus has left the building!

Many Kisses

 
At 9:24 PM, Blogger Noz said...

PS: Estive a reler o meu comentário e achei que com tanta coisa acabei por não dizer nada. Este é um assunto que dá pano para mangas e não tenho a tarde toda para estar a escrever. Quero apenas rematar com isto:
Cada vez as pessoas pensam menos por elas próprias, não sabem escolher aquilo que é mais indicado, a sociedade a isso os obriga, o excesso de informação é tanto que se torna desinformação e as pessoas desinteressam-se acabando por escolher a via mais fácil. Eu não sou ninguém para dizer o que está certo ou errado, o melhor e o pior, mas gosto de pensar por mim, mesmo tendo meu pensamento as suas próprias influências!

Kisses

 
At 12:02 AM, Blogger Clara Branco said...

A questão é muito pertinente, clicar "yes" é de facto conformista, e mais segura, no entanto, não é fácil mudar. De todo. Principalmente mudar os outros. O ideal para mim é seguir as nossas convicções,ou seja, clicar no "cancel", com todas as consequências que acarretam,e sabe tão bem mostrar que estamos certos! :)
bjs

 
At 1:39 AM, OpenID vidairritante said...

Muda de anti-virus.

Tenta o Blazi'n Devil 666, com Judas Firewall...

Ahahahahahahahaha

 
At 1:40 AM, Blogger Karl Macx said...

O acima descrito sou eu... ;)

 
At 2:44 AM, Blogger Diabba said...

Este post está muito religioso e a falar (mesmo que não seja bem - apesar de tb não ser mal) da concorrência, para o meu gosto.

Como protesto não vou comentar!

Grunfff

Enxofre

 
At 2:46 AM, Blogger Carla said...

Cancel, sem dúvida. Revi-me no muito que postaste.

 
At 5:34 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Tulipinha
Obrigada pelo apoio :D É bom saber que não estou a perder a minha sanidade mental.
Beijinhos



VICIO
"até que foi divertida a imagem criada por mim!"

Acho que tens umas explicações a dar senhor vicio. Imagem criada por TI?? Toca mas é a falar!!!!

1 beijinho apenas, estou apreensiva senhor viciante vicio





ANNA-LYS

What can i say? Im glad i made you laugh dear Anna.
kises&Kram



SENTIR
LOL
Admito que tive de ler o teu comentário duas vezes para o entender minha querida Sentir e mesmo assim tu és uma humana que vai muito à frente dos outros humanos e dos aliens ;)
Os teus neurónios trabalham a uma velocidade incrível, não sei como ainda ninguém te raptou para seres objecto de estudo ;)

"Coisa de humano, padronizar a RAM, determinar a aparência do hardware e limitar os atributos do software."

Pois, convém que o hardware tenha a mesma aparência é aquela coisa de viver em sociedade e quanto ao limitar os atributos do software se te entendo, é óbvio; convém que tudo funcione dentro da "normalidade" ditada por outros.

Será que o que escrevi faz algum sentido?

"A minha curiosidade é saber quem bolou tal OS mesmo quando a ROM era na pedra."

Boa pergunta lol

Quanto a ti, que sejas sempre diferente, adoro-te assim! ;) hehe
beijinhos
p.s está mais crescidinha aquela coisinha verde e linda que me mostraste? Lembrei-me agora dela não sei porquê? :D




AH E TAL

"ou seja estou vestida com o boné do noddy e o macacão mas com 4 kg´s de silicone em cada mama, ou seja tou grávida das mamas"

Isso seria se eu tivesse “clicado” no YES! Como não “cliquei” no YES, tu continuas a ser uma AMIGA com conteúdo e não tens nada a ver com o Noddy. Tens é um sentido de humor marado que eu adoro LOL

És a prova VIVA que fiz bem em não ter “clicado” no YES. PORRA tinha-te perdido para uma coisa tipo " boné do noddy e o macacão mas com 4 kg´s de silicone em cada mama,"

"depois admiro-me que estejam sempre a tentar abrir-me as "alas", segundo a música do noddy...." LOL LOL

Realmente fiz bem em ter “clicado” no CANCEL! Phénix, teria sido um pesadelo dar contigo nesse estado. lol

Beijinhos minha *doida de perdição
* trocadilho= amor de perdição




NOZ
"mas gosto de me aconselhar com os amigos, os verdadeiros, ouço o que têm para dizer."

Eu também. Mas, a questão aqui não se o seguirmos conselhos ou não, a questão é mais deixarmos outros tomar DECISÕES POR NÓS. O que é algo totalmente diferente.

"Eu vivo em sociedade e sinto-me muito bem com isso, apenas não tenho que optar por tudo o que esta me quer impor, gosto de escolher as minhas coisas, não gosto de moda, seja ela qual for!"

Sim, é mais por aí. Hoje em dia há muita coisa que nos é imposta. Existem determinadas coisas das quais não podemos fugir, são-nos impostas e não podemos fugir, como por exemplo a lei do tabaco. É uma decisão que foi tomada por ti, porque foi criada uma lei, isto é só um exemplo não quero entrar novamente no debate sobre a lei do tabaco. Tal como essa lei, existem outras que condicionam a tua vida e que de certa forma o estado toma decisões por ti. Mas temos os outros casos, que mencionaste...aí podemos sempre DECIDIR o que queremos para a nossa vida e devemos ser NÓS a tomar essas DECISÕES.

Our pigeon: Jesus has left the building! lol

Our pigeon: will he be back??

kisses ;)


P.S
" o excesso de informação é tanto que se torna desinformação e as pessoas desinteressam-se acabando por escolher a via mais fácil."

Concordo contigo, mas correm o risco de um dia acordarem e terem apenas a opção YES disponível.

"Eu não sou ninguém para dizer o que está certo ou errado, o melhor e o pior, mas gosto de pensar por mim, mesmo tendo meu pensamento as suas próprias influências!"

Nós todos somos alguém para dizer o que pensamos sobre determinado assunto. Não estamos a fazer mal a ninguém ;) E acho bastante saudável a troca de ideias. Eu também não sou ninguém para escrever os meus textos marados ;) Mas gosto de os escrever mesmo podendo por vezes dizer muitos disparastes! :D
Beijinhos

Our pigeon: I do like to read you. I hope our pigeon finds his way back




Clara Branco
"O ideal para mim é seguir as nossas convicções, ou seja, clicar no "cancel", com todas as consequências que acarretam, e sabe tão bem mostrar que estamos certos! :) "

Eu penso como tu, mas isso já tu sabes porque leste o texto ;),mas é isso mesmo acho que devemos ter convicções fortes e seguir o nosso caminho tenho em mente que as nossas convicções tem um preço mas que mais vale pagar esse preço do que viver uma vida vazia, controlada por outros.
kisses




Karl
Antes de mais, claro que eu sabia que o comentário era teu! Sei o teu endereço de cor ;)

"Tenta o Blazi'n Devil 666, com Judas Firewall"

LOL
Não quero nada com esses tipos. Ainda me pedem para ir trabalhar com a Diabba, já estás a ver a minha vidinha a andar para trás não estás???




Diabba

"Como protesto não vou comentar!" LOL

Ai ai ai Diabinha, tu sabes que nós não nos podemos ver uma à frente da outra...mas tu tens esse poder de me fazer rir lol

Olha vou tentar pensar num texto para o próximo post que te agrade para ver se levantas o teu protesto.

Beijinhos diabinha cor de labareda




Carla
Ainda bem que é Cancel. :) Eu sei que percebeste o texto. kisses

 
At 6:21 AM, Blogger poca said...

ui lagarto lagarto..
acho que até jesus concordaria que o livre arbitrio é uma coisa bonita e a manter!

sleep with one eye open... o que há mais aí é gente a querer "mandar" na vida dos outros

 
At 6:27 AM, Blogger Sentir said...

Certa! Certíssima! lololol
Ai meu pêssego gigante, te adoro.
Sempre te leio duas vezes, e mesmo assim vou longe! Sei lá o que ocorre com tuas palavras em minha mente.


ps.: digamos que o que era verde, tornou-se maduro... humm...

Bom final de semana. Bjo no coração.

 
At 9:10 AM, Blogger Alien David Sousa said...

SENTIR
Fico feliz por conseguir estar em sintonia contigo e ter entendido o que os teus brilhantes neurónios teceram. ;)

"pêssego gigante" LOL Já me chamaram muita coisa, mas como sempre tinhas de ser original, pronto...adorei!

"Sei lá o que ocorre com tuas palavras em minha mente" LOL

Olha eu não sei que fenómeno se dá na tua mente, mas posso-te dizer que o produto final é sempre genial.
Um GRANDE beijinho linda
p.s- se está maduro está bom! Quem me dera estar aí lol





Poca
"até jesus concordaria que o livre arbitrio é uma coisa bonita e a manter!"

Brincadeiras à parte, agora é que disseste uma grande verdade.
É pena é que cada vez mais tema que outros queiram tomar DECISÕES por mim. E tu tens consciência disso, mas há muito boa gente que não tem e é assustador.
Eu, enquanto puder, vou sempre "clicar" no "cancel".
Beijinhos

 
At 3:12 PM, Blogger Maria said...

Sim, Alien, adiar também é uma decisão legítima. Mais que o terror de escolherem de por mim tenho o pânico de ser forçada a um tempo de escolha. Não sei porque algumas pessoas nos forçam, talvez tenham falta de espaço nas suas próprias vidas e invadam as alheias, de qualquer forma é confrangedor. Também não gosto de tentativas de amigos politicamente correctos e cheios de certezas do que é bom para nós. Para isso compraria um livro de auto-ajuda, ocupa menos espaço e não tenho que o ouvir...

Beijinho, um óptimo fim-de-semana!

 
At 5:14 PM, Blogger Vício said...

fizeste-me lembrar um cena assim tipo a tipa do filme musica no coração nos montes a pular e a cantar só que na versão urbana da coisa!! :D

sem falar em imaginar a cara dos transeuntes ao ver um ser amarelo a passar com "borboletas no cérebro" :D

 
At 6:37 PM, Blogger African Queen said...

Boa questão Alien... eu, se bem me conheço "clicava" violentamente no "NO" e fazia um protesto contra os designíos divinos que tinham tido a lata de interferir na minha vida sem me dizer nada, sem me perguntar opinião e sem me ter em consideração.
Tenho uma tendência natural, desde pequenina, para reagir muito mal às imposições (os astros explicam isto lol), de tal forma que reajo fazendo exactamente o contrário, muitas vezes sem pensar. Desde as coisas mais pequenas... tipo "Proibida a entrada" e lá vou eu toda lampeira e entro, ou tipo a mãe proibia-me de sair de casa e eu saltava a janela (mesmo que não me apetece-se muito sair)... e por aí fora. Com o tempo aprendi que na maioria das vezes o melhor é ignorar e continuar o que estavamos a fazer, mas que também há outras em que é preciso lutar contra, pegar em armas, nem que seja nas palavras e em vez ne teclar no "no" ou no "cancel" teclar no "fuck you" e dizer "eu estou aqui e eu conto!".
Não gosto mesmo que mudem a minha vida por mim. Eu sou incapaz de dizer "no teu lugar faria isto ou aquilo" porque nunca estamos no lugar dos outros, nem os outros no nosso. A única coisa que faço é tentar mostrar todas as perspectivas possíveis e dimensões para dar mais ferramentas ao outro para poder escolher. É o que eu gosto que façam comigo.
No meu reino a única pessoa que tem autoridade para promover mudanças sou eu, a Queen :) e é a única forma de nos responsabilizarmos pelos nossos actos também.
Dizer que sim a Jesus, ainda me arrepia mais... entregar a minha vida nas mãos da divina providência e depois dizer que é td culpa dele... deve ser mais simples... mas não é para mim.

 
At 6:14 PM, Blogger White_Fox said...

"Não gosto que tomem decisões por mim, não confio em ninguém no que toca a tomar decisões sobre a minha vida, confio somente em mim", não podia estar mais de acordo com essas palavras. Sou daquele opinião de que se quero algo bem feito tenho de ser eu a fazer!

bj

 
At 9:27 PM, Blogger Noz said...

Our pigeon: Don’t worry, our pigeon it’s a great bird, he allways finds his way back!

 
At 1:59 AM, Blogger Aragana said...

Fixe gaja,... eu sabia que eras das minhas!

 
At 11:38 PM, Blogger Alien David Sousa said...

Maria
"Mais que o terror de escolherem de por mim tenho o pânico de ser forçada a um tempo de escolha"

Pois aí é que são elas, quando somos mesmo forçados/as a escolher porque não temos outra opção.:|

"Também não gosto de tentativas de amigos politicamente correctos e cheios de certezas do que é bom para nós"

Serão amigos? Ou qualquer coisa disfarçada de amigos? ;)Os verdadeiros amigos geralmente dão-nos opções, mostram-nos caminhos...nunca nos dizem o que fazer. Ajudam-nos apenas. A decisão, essa deixam que sejamos nós a tomar.

"Para isso compraria um livro de auto-ajuda, ocupa menos espaço e não tenho que o ouvir..." LOL LOL

E há para aí tantos!!
Beijinhos M.



VICIO
Ah ok! Já entendi a frase

"até que foi divertida a imagem criada por mim" lol

Pensei que eras tu o Jesus que tinha entrado no meu computador e feito a tentativa de mudar a minha vida ;)

"fizeste-me lembrar um cena assim tipo a tipa do filme musica no coração nos montes a pular e a cantar só que na versão urbana da coisa"

Seria uma coisa LINDA! Tipo filme de terror classe B, isto para mim claro está! lol Tu acredito que darias umas valentes gargalhadas à conta da cena!
Beijinhos viciante vicio

p.s
" transeuntes ao ver um ser amarelo a passar com "borboletas no cérebro" :D" LOL LOL
És mesmo parvo, não mudes por favor!!!





African Queen

"Tenho uma tendência natural, desde pequenina, para reagir muito mal às imposições (os astros explicam isto lol), de tal forma que reajo fazendo exactamente o contrário, muitas vezes sem pensar."

Sabes que também tenho essa tendência Miss A. ? E às vezes dá merda quando não pensamos nas consequências...mas como te entendo. Parece que temos cá dentro algo que dispara de cada vez que nos dizem que algo é proibido porque SIM!

"Com o tempo aprendi que na maioria das vezes o melhor é ignorar e continuar o que estavamos a fazer"

Nem mais!Mas mesmo assim, é complicado controlar o bichinho que tenho cá dentro quando não entendo porque alguém me dis que não posso fazer algo e não me dá uma explicação lógica. Ou se a a explicação não faz sentido.

"mas que também há outras em que é preciso lutar contra, pegar em armas, nem que seja nas palavras e em vez ne teclar no "no" ou no "cancel" teclar no "fuck you" e dizer "eu estou aqui e eu conto!".

A tecla FUCK YOU é uma das minhas preferidas ;) hehe

"Não gosto mesmo que mudem a minha vida por mim. Eu sou incapaz de dizer "no teu lugar faria isto ou aquilo" porque nunca estamos no lugar dos outros, nem os outros no nosso"

Já mencionei esse facto. O que podemos fazer é dar a nossa opinião QUANDO NOS PEDEM e depois cabe aos outros decidirem o que fazer com a vidinha deles. E o mesmo espero dos meus amigos.

"entregar a minha vida nas mãos da divina providência e depois dizer que é td culpa dele... deve ser mais simples... mas não é para mim"

LOL
És como eu! Acho que já falámos sobre isto num dos teus brilhantes contos. É sim mais fácil, mas também não é para mim.

Beijinhos Miss A.
p.s tens uma mensagem no teu cantinho




FOXY
"Sou daquele opinião de que se quero algo bem feito tenho de ser eu a fazer!"

E mesmo que não fique bem feito, foi feito por ti. E só o facto de decidires por ti o que queres ou não queres para a tua vida tem um valor imensurável.
Beijinhos foxy





NOZ
LOL

Our pigeon: we are very lucky with this bird we found. He is loyal and a hard worker. No matter what, we can always depend on him ;)

kisses




Aragana
Gaja, mas só agora é que tu descobriste?? Ai ai ai ai ;)
kisses

 
At 12:18 AM, Blogger silvio said...

e há pessoas , ou até momentos em nossa vida,
que surge a mensagem de erro de sistema
"no jesus was detected in your machine"

:-)

 
At 12:19 AM, Blogger silvio said...

"be carfull, Jesus is watching your internet browser cache"
:-))
loool

 
At 4:48 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Silvio,
"no jesus was detected in your machine"

Isso que dizer que ainda tens a tua vidinha nas TUAS mãos brother ;)

"be carfull, Jesus is watching your internet browser cache"

Já não é coisa que me preocupe, afinal se ELE se meter na minha vida , podemos sempre começar de NOVO ;)

Beijinhos

 
At 10:41 PM, Blogger Alien8 said...

Ui, mana! E quando o CANCEL faz o mesmo que o OK?

Só te acontecem destas. Alguém te rogou uma praga cibernética, e temos que informar o ACA (Alto Comando Alienígena) para ver se metemos estes intrometidos Jesus e outros terráqueos na ordem de uma vez por todos. Tens o phaser à mão?

Entretanto, bom fim de semana e beijos alienígenas.

 
At 12:52 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Alien8

"Tens o phaser à mão? " SEMPRE! Tal como me ensinaste ;)


"E quando o CANCEL faz o mesmo que o OK?"

Isso seria um desastre!! Não acho possível mano...o CANCEL é o CANCEL, o OK só poderá ser o YES ;)

" Alguém te rogou uma praga cibernética, e temos que informar o ACA (Alto Comando Alienígena) para ver se metemos estes intrometidos Jesus e outros terráqueos na ordem de uma vez por todos."

Eu resolvi tudo por mim mesma mano lol lol

beijinhos alienígenas

 
At 9:36 PM, Blogger M. said...

De certa maneira são decisões, apenas decisões que tomamos independentemente de existirem Jesuses ou não. Até porque o verdadeiro Jesus nunca tentaria influenciar-te, o lema dele é precisamente deixar o homem livre, assim como os aliens. Portanto qualquer outa coisa seria falsidade pelo que fizeste bem em escolher CANCEL. Tomaste uma decisão, eu também, tomamos todos, seguindo a nossa consciência e aquilo que o nosso corpo mandar.

Um beijo.

 
At 12:19 AM, Blogger Alien David Sousa said...

M.
Pois Marta, mas chateia-me ver que existem por aí muitos " jesus" que querem tomar decisões por nós. Foi por isso que disse que enquanto tivermos o poder de "clicar" no cancel é bom sinal porque apartir do momento em que só estiver disponível o "yes" as nossas vidas já não nos pertencem. Vejo muita coisa à minha volta que não me agrada e caminhos que não quero percorrer por mais que me queiram empurrar ;)

Quanto ao outro,sinceramente não sei quem é!Nunca fomos apresentados.

beijinhos M.

 
At 4:07 AM, Blogger Raposa Velha said...

Grande IMG e grande TXT!

Não gostas que tomem decisões por ti, cara amarelinha minoritária? Eu acho que as pessoas, no geral, preferem que decidam por elas, mesmo quando dizem o contrário. Decidir é desgastante e traz responsabilidade. É muito mais confortável resmungar um pouco mas acabar por aceitar o bife seco quando se preferia mal passado ;-)

Mas há uma alternativa à decisão. Não clicar nem YES, nem no NO nem no NO. Prime ESC ou ENTER, em alternativa :-))) É o que tantas vezes fazemos: não decidimos mas contornamos a questão. Quem sabe se não desaparecerá?

 
At 4:10 AM, Blogger Raposa Velha said...

*"YES, nem no NO nem no NO"

YES, nem no NO nem no CANCEL

 
At 8:50 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Raposa, thanks ;)

"Prime ESC ou ENTER, em alternativa :-))) É o que tantas vezes fazemos: não decidimos mas contornamos a questão. Quem sabe se não desaparecerá?"

Entendo o que dizes, mas não acredito que as questões desapareçam apenas porque assim o desejamos. Podemos "clicar" no "Enter" ou no "ESC" inumeras vezes, mas as questões vão permanecer por resolver, mais tarde ou mais cedo, outra mensagem surgirá no ecrã ;)

Beijinhos

 
At 4:45 AM, Blogger Å®t Øf £övë said...

Alien,
Um dos grandes e graves problemas da humanidade é que já há um rebanho infinito de seres a clicar no "yes", enquanto que aqueles que ainda têm o controle suficiente sobre as suas vidas para carregarem no "cancel", são já seres em vias de extinção... tipo tu e eu... e mais uns quantos. Por isso eu pergunto: Para quando estará marcado o nosso abate???
Bjo.

 
At 3:22 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Å®t Øf £övë

Não sei para quando ART e como sei que não temos feitio para converter outros...é uma pergunta para a qual não detenho resposta. Mas é assutador. Se é!

Beijinhos

 

Post a Comment

<< Home