Monday, October 22, 2007

Image Hosted by ImageShack.us
-
Os esquecidos
-
Everybody wants to tell what's already been told.
Everybody wants to sell what's already been sold.

-
Hoje decidi falar dos - Forgotten Ones - dos esquecidos. Numa ou noutra situação já todos fizemos parte do grupo dos esquecidos. Quem o negar está a mentir, mas não é grave, porque como já o mencionei inúmeras vezes eu e o Dr.House concordamos: everybody lies. Faz parte da vida. E não acredito que exista terrestre ou extraterrestre que a dada altura, numa determinada ocasião, não se tenha sentido menosprezado ou mesmo ignorado por outrem.
-
Que melhor exemplo poderia eu arranjar que representasse os esquecidos do que os Crash Test Dummies.
-
Image Hosted by ImageShack.us
Estes bonecos são seres do bem. Nasceram com uma missão; fazer o bem. Agora, serão eles apreciados pela humanidade? É a velha história - que contraria a tendência dos filmes - os bons lixam-se sempre no final.
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
O nosso egoísmo por vezes toma proporções inconcebíveis. E claro, os esquecidos sofrem. Estes bonecos que testam as nossas viaturas, muito antes de estas irem para a fábrica, têm família, amigos, mas mesmo assim arriscam a vida pela nossa segurança. Será que os humanos se detêm para pensar nisto quando se passeiam alegremente nos seus queridos carros? Não! A injustiça é algo repugnante.
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Eu sei que esta imagem é arrepiante. E também sei que os terrestres não fazem a menor ideia, de quantos bonecos - Crash test dummies - como este, já tiveram de ser operados para que novos membros lhes fossem aplicados. Alguns destes esquecidos, infelizmente, não sobrevivem. Não por falta de coragem, mas porque a sua missão é perigosa, muito. Eles dão sem nos pedirem nada em troca. E para cúmulo dos cúmulos, nem pagos são.
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Chocante! - desculpem se este tema não é para gargalhadas - Esta imagem ilustra o que já relatei. Podemos observar nesta foto, uma sala repleta de dummies a sofrerem porque um irmão não saiu a respirar de um dos teste. É triste, duvido que até os mais insensíveis fiquem indiferentes perante esta cena.
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Esta imagem toca-me. Aonde? Algures no meu corpo, mas toca. Estes dois dummies, mesmo com danos visíveis no seu corpo, ainda tiveram a paciência e simpatia para tirar uma foto para uma revista da especialidade. Isto é amar o que se faz.
-
Eu pergunto: antes de terem lido este texto, quantos de vocês já tinham parado para pensar nestes seres? No que eles fazem por vós, sem se questionarem. Quantos?
-
O problema dos esquecidos é serem altruístas e neste planeta, só se dá valor ao que já foi dito ou ao que já foi feito.
-
Os Crash Test Dummies como são mais conhecidos, têm o meu reconhecimento. Pode ser tardio, mas têm e, amanhã quando me sentar na minha nave vou pensar em quantos dummies foram essenciais para que eu possa conduzir uma nave mais segura.
-
Só devem ser esquecidos aqueles que nada de bom acrescentam às nossas vidas.
-
Dummies, Wham! Bam!Thank you guys.
-
Mas isto sou só eu
-
Este texto não foi escrito sob a influência de qualquer tipo de estupefaciente.

39 Comments:

At 10:38 PM, Blogger Grão Vizir said...

Eu associo sempre isso ou à banda com o mesmo nome ou aos bonecos e carrinhos que brincava quando era mais pequeno eheheh

É verdade, se tivessemos de experimentar a segurança dos veiculos com seres humanos mesmo estavamos bem lixados...

bj e desculpa a ausencia, tenho andado ocupado...:S

 
At 11:28 PM, Blogger Sentir said...

Alien querida, como (para minha infelicidade) tenho mais o mau humor dos jornalistas do que o otimismo dos publicitários. Logo imaginei um comentário que envolvesse a indiferença e o egoísmo dos humanos. Mas, hoje diante da sensibilidade vinda doutro planeta, percebo com alegria a existência dos C.T.D.. Sem eles, muitos dos (sub)países, que sedem espaço para os grandes parques da indústria automotiva, empregariam sua gente nos testes. Daí, já viu, né?! Vida longa aos CTD! Mesmo que seja com a perna do pai, com o braço do tio, com a cabeça do vizinho.

 
At 11:39 PM, Blogger CESAR said...

Lol!
Fantástico esse post... Eu acho que muitas vezes nós próprios servimos de crash test dummies para outras pessoas. Para os nossos associados. Quando nós tentamos algo e depois espetamo-os à grande e eles já sabem que não devem negociar com aquele havaianos.
Ou quando A tenta um relacionamento com C e este falha e o melhor amigo de A, B já sabe como C funciona e relaciona-se com ele e casam-se e têm filhos...

Acho que todas as relações que existem no equlíbrio do Universo de uma forma ou de outra estão igualmente presentes na nossa vida...
Mas enfim... isso sou eu.

São os pequenos carneiros sacrificados para que o rebanho humano consiga pastar na bela pradaria da Terra---

Beijos.

 
At 11:52 PM, Blogger Diabba said...

Paraste de tomar os comprimidos que te permitem respirar neste planeta, não foi?

beijo enxofrado

hellooooo dahhhh se nem os mortais mostram sinais de altruismo, tu queres à força que os bonecos o tenham?

 
At 12:30 AM, Blogger Su said...

os esquecidos.....................
tantos............sempre......

jocas maradas de marte

 
At 12:50 AM, Blogger Nomyia said...

Eu admito!Nunca tinha pensado neles antes... Se bem que ao ler Crash Test Dummies lembrei-me da banda, também ela esquecida. Tinha uma música muito gira: hmmmm hmmmm...Estariam eles a reflectir sobre o seu futuro?
*****

 
At 3:08 AM, Blogger ah e tal said...

http://www.youtube.com/watch?v=-4WbwwhBmRk

mmmmmmmm, esta música é dedicada aos bonequinhos (esquecidos)espalhados por todo esse mundo que lutam diariamente para a nossa segurança!


:D

 
At 3:51 AM, Blogger *Marta* said...

Então temos de agradecer a eles estarmos vivos. De qualquer modo, antes eles do que eu. A mim dói mais que tenho terminações nervosas e tudo.

Mas pronto, taditos, depois de ler fica-se "amolecido". Acho que o Mundo devia erguer um monumento para eles. Besitos.

 
At 1:47 PM, Blogger Aragana said...

Alien... amiga. Quantas vezes eu já te disse para não experimentares certas bebidas e comprimidos que os humanos te dizem que é bom?

Depois, dá nisto. Cuidado!

 
At 4:28 PM, Blogger Bxana said...

As coisinhas que tu te lembras, Alien!:P

Bem jogado! Nunca tiha pensado nesta problemática! Eles nem subsidios recebem, verdad?

Tá mali, mali, mali!:(

Miaus!!!

 
At 5:52 PM, Blogger Vício said...

este texto comoveu-me! ach oque vou adoptar um dummie para testar o meu carro!

 
At 8:35 PM, Blogger Belzebu said...

ehehe!! Como sou meio cegueta não consegui ler as letrinhas pequenas do fim do post e por isso pergunto:

QUE É QUE TU ANDAS A ESFUMAÇAR? E AS GOTAS NÃO SÃO PARA TOMAR?

Tu andas a dar cabo da saúde, minha amiga!

Tu ainda não entendeste que os mostrengos são daquela coisa com que se fazem as bonecas insufláveis e portanto basta soprar-lhes no pipo e toca a andar para nova quec...ops...acidente!

Vive uma familia de Dummies chineses no meu prédio, que a avaliar pelas feições já participaram em muitos testes e continuam por lá!

eheh!! Aquele abraço infernal!

 
At 9:47 PM, Blogger Barão da Tróia II said...

Excelente texto, excelente, Uma excelente parábola do nosso mundo, mais uma vez excelente. Boa semana

 
At 9:48 PM, Blogger johnny D said...

Como tu disseste, Alien, e muito bem, "os bons lixam-se sempre no final". Acho que essa frase resume tudo o que se passa neste planeta. Infelizmente.

 
At 10:57 PM, Anonymous Barão Van Blogh said...

Passo para desejar uma boa semana .

"...Imagino a bruma à tua frente
Branca que se estende sedosa..."

Abraços .

 
At 12:51 AM, Blogger Carla said...

Este tema toca-me de forma particular... É loucura insana não reflectir sobre o tema. E como diz um texto budista: "Devido à sua ambição e egoísmo, o homem faz da sua vida um naufrágio." Ah! Nani e Carla são a mesma pessoa

 
At 3:13 AM, Blogger Å®t Øf £övë said...

Alien,
Ok... resisti e não me raptei a mim mesmo, e também dispenso as tuas raptoras boas por dúvidar da credibilidade da tua dádiva... sorry... é que eu sou muito desconfiado, e por isso prefiro ser eu a escolher as minhas implacáveis raptoras... You don't mind?

:)

Quanto aos dummies, a verdade é que de facto nunca tinha pensado como eles sofrem por nós, e ainda para mais à borlix.
Considero isso uma escravidão a toda a escala em pleno século XXI, como tal tenho uma solução em forma de proposta a fazer-te...
Que tal juntarmo-nos e arranjarmos voluntários à força para servirem de dummies, e ainda lhes pagarmos por cima?
Parece-me que não nos faltaria quem mandar para esses testes com o maior prazer. Talvez contribuissemos para limpar a nossa sociedade, e talvez assim chegasse a nossa vez de deixarmos de ser esquecidos. É que as pessoas com uma essência que valha a pena estão sempre entre os esquecidos da nossa sociedade, porque ela está preparada para só a merda vir à tona.
Ora fazendo nós da merda dummies tinhamos a generalidade dos problemas que abordas neste texto resolvidos.
Não concordas???
Atão bute lá...
Bjo.

 
At 1:29 PM, Blogger Karl Macx said...

Alien, isso é mito!!!

Toda a gente informada sabe que esses dummies subcontractam outros dummies que nem sequer estão legalizados. Além disso, não pagam impostos e quanto ao não receberem, isso é mentira, pois recebem "luvas por baixo da mesa", para fugirem aos impostos.
Ainda reclamam pelos mesmos direitos que os restantes contribuintes.
Esses dummies são uma praga que ainda por cima estão a tirar o lugar a quem de direito deveria estar dentro de um carro a 120 km/h contra uma parede: os nossos políticos!

Tenho dito!

;)
Bjs

 
At 2:04 PM, Blogger Maria said...

Alien, os que realmente se sentem sózinhos e esquecidos dariam tudo por cinco minutos como marionetas de alguém, por muito triste que isto soe.

Testes de resistência, com esses, o pessoal leva todos os dias! Felizes para sempre - leia-se livres e não manipulados - já só raríssimas criaturas...

Convém cultivar a vontade própria.

(não sei se fugi completamente ao comentário que procuravas mas eu tenho desculpa, antibióticos ou seja lá o que for que me receitaram, certamente, para bateria de teste...)

Beijinho.

 
At 6:07 PM, Blogger ANNA-LYS said...

What is this all about Alienta?

Is it leftover guys from crashen marriages? Are they at a bargin her at Your place? Many love bites has been taken, I must say!

How much are they?

 
At 8:54 PM, Blogger Alien8 said...

Mana,

Oportuníssima - e muito bem concretizada - lembrança desses seres que só podem ter origem alienígena, porque não existem terráqueos capazes de tamanho espírito de missão e sacrifício!

Já agora, a banda que dá pelo mesmo nome também não anda lá muito na memória das pessoas :)

Beijinhos alienígenas.

 
At 9:54 PM, Blogger Alien David Sousa said...

Grão,
Essa banda ainda existe?
Estávamos mesmo lixados, eu não queria ser um Dummie ;)
Beijinhos
p.s eu também tenho andado um pouco ausente, no que se refere a visitas ;)








SENTIR,
"Logo imaginei um comentário que envolvesse a indiferença e o egoísmo dos humanos"

Seria um comentário interessante.;)

"Sem eles, muitos dos (sub)países, que sedem espaço para os grandes parques da indústria automotiva, empregariam sua gente nos testes."

NEM MAIS! Agora disseste tudo querida sentir. Acho que este comentário ainda é melhor do que aquele que tinhas em mente no início lol

"Vida longa aos CTD!" lol
Beijinhos doida






Avé Cesar
É impressionante como tu entendes a minha cabeça, os meus textos. Isto já vem desde aquela nossa conversa no blog da Visionária, lembras-te?;)

"Eu acho que muitas vezes nós próprios servimos de crash test dummies para outras pessoas"

É algo que está presente no meu texto, sei que de forma camuflada, mas está César. Sim, nós somos muitas vezes para outros Crash test dummies e a parte mais triste é que o fazemos sem pedir nada em troca e muitas vezes somos menosprezados. Os exemplos que deste no teu comentário são muito bons. Acho que a vida muitas vezes faz de nós dummies para outros, e também acho que noutras alturas somos nós mesmos que estamos dispostos a ser esses dummies. O resultado deste nossa ou não escolha é que por vezes não somos apreciados como deveríamos. E aí é que são elas.


"Acho que todas as relações que existem no equlíbrio do Universo de uma forma ou de outra estão igualmente presentes na nossa vida"

Concordo.

"São os pequenos carneiros sacrificados para que o rebanho humano consiga pastar na bela pradaria da Terra"

Pois, muitas vezes penso se não serei mesmo um carneiro. Quantos de nós se pararem para pensar não chegarão a esta conclusão? Não sei? A nossa sociedade é um tanto estranha. E cada vez mais eu vejo os indivíduos virados para si mesmos e menos para os outros.

Enfim, beijinhos César.






Diabba,
Claro que parei sua venenosa! Estou à espera que me envies mais. Vai demorar muito? huh?

Eu pago, não estejas preocupada com isso.

Ó minha odiada/adorada venenosa, não achas que para desempenharem uma profissão tão perigosa sem serem sequer pagos, já demonstra que são bastante altruístas? Que humano faria isto por ti venenosa? NENHUM!Eu não faria de certeza...não mereces lol
Beijinhos







Su,foste muito sucinta lol Mas está lá tudo. ;)
Beijinhos






Nomyia,
Pois não sei o que é feito dessa banda, lembro-me deles. A AH e TAL aí no comentário debaixo dedicou uma musica desses senhores aos Dummies. Vai matar saudades lol
Beijinhos
p.s eu sou como as crianças quando querem algo: MITO URBANO JÁ! ;)






Ah e Tal

Minha Boneca Insuflável (hoje não és maninha, já está implícito, remember? lol )

Os bonequinhos vão ficar (com toda a certeza) emocionados com esta tua dedicatória.

Sempre a pensar nos outros! :D És demais.
Beijinhos, minha lata de Coca-Cola fresquinha






MARTA,
"De qualquer modo, antes eles do que eu. A mim dói mais que tenho terminações nervosas e tudo"

Concordo Nita. E sabes que mais? Lá fui eu a correr (só tenho um neurónio instável) para perceber o que querias dizer com "terminações nervosas" e lá entendi que todos os terrestres as têm, não é ? ;) Eu como sou alienígena já não sei, não encontrei nada sobre a minha raça e as "terminações nervosas". Se calhar vais ter de me ajudar.

"Acho que o Mundo devia erguer um monumento para eles"

És uma querida. Tu propões um monumento, a Ah e Tal dedica uma música. Uau, eles estão finalmente a ser reconhecidos:D

Beijinhos linda
p.s o meu lolipop vindo de frança é que nunca mais chega :|






Aragana,
Eu sei que não é a primeira vez que dizes para me afastar das drogas, mas eu não sei o que me dá? Estarei a ficar viciada? ;) lol
Beijinhos







Bxana
"Eles nem subsidios recebem, verdad?"

Não recebem NADITA de nada BX! :( Recebem apenas peças novas quando se partem todos. That's it!
Beijinhos







Vicio
Acho MUITO bem que o faças. Como és um ser sensível sei que o vais alimentar bem e até pagar pelos serviços do Dummie para que este possa sair à noite para se divertir por exemplo. Tu não existes, és um exemplo para todos nós vicio.;)
Beijinhos viciante vicio







Belzebu

"QUE É QUE TU ANDAS A ESFUMAÇAR? E AS GOTAS NÃO SÃO PARA TOMAR?"

Fiquei sem as GOTAS diabinho, já pedi à Diabba para tratar disso. Não te preocupes com a minha saúde, eu pago-lhe bem e ela lá me envia as gotas. Tudo volta ao normal dentro de dias

"Tu ainda não entendeste que os mostrengos são daquela coisa com que se fazem as bonecas insufláveis " MENTIRA!! Não comeces a difamar os dummies.

Se esses dummies chineses continuam por aí vamos dar graças lol
Beijinhos diabinho







Barão da Troia
Só tenho uma coisa para te dizer: obrigada por teres compreendido o texto.:)
kisses





johnny
"os bons lixam-se sempre no final". Acho que essa frase resume tudo o que se passa neste planeta. Infelizmente"

É infelizmente mesmo Johny. E não o escrevi por ser pessimista, mas sim realista.
Um beijinho







Barão Van Blogh
Uma boa semana para ti também.
kisses





Olá Carla! Antes de mais é um prazer ver-te aqui ;)Um beijinho para o Araj

"Devido à sua ambição e egoísmo, o homem faz da sua vida um naufrágio."

Que posso eu acrescentar a isto? NADA. Apenas ter esperança de encontrar por aí seres menos egoístas e mais altruístas.
Beijinhos
p.s eu sei que também és Nani lol :)





Å®t Øf £övë
"Ok... resisti e não me raptei a mim mesmo"
LOL LOL és mesmo parvinho.

"dispenso as tuas raptoras boas por dúvidar da credibilidade da tua dádiva... sorry... é que eu sou muito desconfiado"

Não sabes o que perdes ART! hehe

"Que tal juntarmo-nos e arranjarmos voluntários à força para servirem de dummies, e ainda lhes pagarmos por cima?"

Adorei o VOLUNTÁRIOS À FORÇA lol E sim estou contigo.

"Talvez contribuissemos para limpar a nossa sociedade, e talvez assim chegasse a nossa vez de deixarmos de ser esquecidos"

Sim Art é uma excelente ideia. Eu estou farta de ser esquecida por vezes e assim como eu também tu e muitos outros.

"É que as pessoas com uma essência que valha a pena estão sempre entre os esquecidos da nossa sociedade, porque ela está preparada para só a merda vir à tona."

É isso o que me faz confusão. Cada vez mais. Observar que a merda é que se destaca, enquanto como muito bem disseste; seres com uma essência que valha a pena são sempre esquecidos. Algo está podre nesta nossa sociedade.

Concordo. Vamos meter mãos à obra ;)
Beijinhos






Karl,
lol
Discordo com parte do comentário. Pobres Dummies estás a ser injusto.

"Esses dummies são uma praga que ainda por cima estão a tirar o lugar a quem de direito deveria estar dentro de um carro a 120 km/h contra uma parede: os nossos políticos!"


Agora concordo se me disseres que devemos empregar os dummies noutra actividade e SIM, colocar os nossos políticos nos seus lugares ;)ESTOU CONTIGO NESSA!
Beijinhos







Maria,
"os que realmente se sentem sózinhos e esquecidos dariam tudo por cinco minutos como marionetas de alguém, por muito triste que isto soe."

Entendo esse ponto de vista. Claro. Quando a solidão não é uma opção nossa não há nada mais triste.

"Testes de resistência, com esses, o pessoal leva todos os dias! Felizes para sempre - leia-se livres e não manipulados - já só raríssimas criaturas..."

Sim levamos com eles. Mas muitas vezes somos os dummies, somos esquecidos após o serviço feito. Isto é, quantas vezes não somos dummies para outros e depois atirados para um canto?

E não, não fugiste ao tema ;)
Beijinhos e não abuses dos antibióticos






ANNA-LYS
LOL i love your sense of humor. I tell you why. You don’t have a clue about what my text is regarding and even so you made such a funny comment. :)

Ok entering your world i will answer lol

This text refers to the "forgotten ones", how can i explain Anna? Well, it’s about those who do something good and are forgotten so easily...it’s about the way our society works. The good ones, always fall down. It’s about egoism also. It’s about the ones who give you something with out wanting anything back. It’s about all of us. I can’t resume it better Anna.


"Is it leftover guys from crashen marriages?" lol

Well those guys (who knows) were crash test dummines on the hands of another.


"Are they at a bargin her at Your place?"

Why don’t tell me you are looking for one? lol ;) The musician will be jealous.


"How much are they?"
Depends. For you, i make a nice price, a friendly one lol

kisses and kram my crazy friend






Alien8
Maninho, disseste tudo aqui:

"seres que só podem ter origem alienígena, porque não existem terráqueos capazes de tamanho espírito de missão e sacrifício!"

Não, não acredito que os humanos sejam capazes de tamanho altruísmo. ;)

Sim a banda desapareceu...que quiseres matar saudades vai até ao comentário da AH e TAL e vê o video :D
Beijinhos alienígenas

 
At 11:27 PM, Blogger White_Fox said...

Olá querida Alien! Há algum tempo que não te visitava. Aki o fox andou a ler com muita atenção o teu texto. Ah pois é! Já tinha pensado nisso, mas verdade seja dita que não tinha sido por muito tempo!
Quem é que nunca ficou a falar para o boneco? Isso às vezes acontece-me...

 
At 3:43 AM, Blogger Lúcia said...

Concordo plenamente... nunca antes tinha pensado nisso... mas não posso deixar de concordar...
Quantos de nós não nos sentimos já dummies ?! Quantas vezes não fizemos os outros sentir-se assim?!
Estamos tão focados em nós mesmo que nos esquecemos do resto...

Jokitas terrestres

 
At 6:27 AM, Anonymous bruno said...

Coitados :(

 
At 2:04 PM, Anonymous julie said...

Oh Alien, que texto lindo! Só não chorei porque não tenho já lágrimas em stock!
Quando estava a ler o texto, ,lembrei me que as pessoas quando tomam um medicamento para fazer um tratamento ou aliviar alguma dor, esqueçem-se que até a descoberta da fórmula do milagroso comprimindo muitos animais morreram nos laboratórios em expreriencias para salvar as pessoas das doenças. Ninguém se lembra da quantidade de ratinhos brancos, macacos e até cães e gatos sofrem e morrem nestas experiências para nos salvar. E mesmo na maquiagem parece que também usam e abusam dos animais. E o dia do Animal devia ser mais celebrado e devia ser um agradecimento dos humanos para os Animais que nos salvam sem darmos conta, agradecer á cadela e ao macaco que foram os primeiros viajantes espaciais e que morreram por lá, pelo homem.
É claro que deve existir exemplos de coisas que pessoas fazem pelas outras pessoas sem terem a devia valorização por isso!
bjs
julie

 
At 2:05 PM, Anonymous julie said...

Ah esqueci-me : obrigada Dummies

 
At 2:43 PM, Blogger EMN said...

Querida Alien,

reconheço neste teu post, uma grande sensibilidade para com os "esquecidos". Não sei se era tua intenção escrever algo nas entrelinhas, mas mesmo que estas não existam eu acabei de inventá-las e sim senhora, reconheço a tua razão.

Adorei

emn***

 
At 9:38 PM, Blogger Alien David Sousa said...

FOX aka FOXY

"Quem é que nunca ficou a falar para o boneco? Isso às vezes acontece-me..."

E quem é que nunca se sentiu esquecido por outrem, tendo sido para esses um Crash test dummie?
Beijinhos






Lúcia
"Estamos tão focados em nós mesmo que nos esquecemos do resto..."

Pois, é aquela palavrinha lixada: egoismo. ;)

"Quantos de nós não nos sentimos já dummies ?! Quantas vezes não fizemos os outros sentir-se assim?!"

É mesmo essa a ideia presente no texto lucia. É preciso é saber descobrir o que está escondido no texto.
Beijinhos






Bruno, esperava mais de ti ;) Lê o texto outra vez.
Saudações alienígenas & kiss






Julie,
Muito bem visto. Os animais também são crash test dummies para nós. Claro que sim. Como tu também já foste para alguém ou alguém para ti.
É preciso encontrar um equilibrio. É necessário mudar algo nesta sociedade rapidamente. Como está, não me parece saudável.
Beijinhos meu outro eu







Emn,
" Não sei se era tua intenção escrever algo nas entrelinhas,"

ERA! E parece que tu descobriste ;)

Beijinhos E.

 
At 9:44 PM, Anonymous bruno said...

Obrigado por todos os comentários, Alien. :))))

PS: Depois de ver este post lembrei-me de 1 anuncio que que vi em tempos sobre Crash Test Dummies, acidentes e afins.

Aqui

 
At 10:04 PM, Blogger Alien David Sousa said...

Bruno o anúncio é BRILHANTE. E tu tens uma memória que é qualquer coisa do outro mundo. Talvez do meu. ;)

S.alienígenas & kiss

 
At 1:04 AM, Blogger Fábula said...

eh pá, confesso que a única altura em que pensei nesses bonecos foi quando, há uns anos, surgiu um grupo musical com esse nome. e a única coisa que me ocorre depois de ler o teu texto é: que lhe terá acontecido? tinha músicas bem giras... lembras-te? mmmmmmm... ;)

 
At 4:18 AM, Blogger Alien David Sousa said...

FAB, a AH e TAL tem um link que vai dar a esses senhores, se quiseres matar saudades ;)
Beijinhos

 
At 3:35 AM, Blogger ANNA-LYS said...

LOL :-)

You are a darling Alienta.

I know I am crazy ... before or later I will jump into the wrong time to be funny, when commenting thing I don't have clue about. But, my philosophy sounds something like this "Then the author probably need it the most".

In a way ... it is a non-egoistic way of acting ... not being afraid of "losing my face" in front of all of You.

And You my friend is a very generous cyberian ... both with Your translation here AND all Your lovely comments! THANK YOU!

Did You have time to listen to my music at MuseArt? And WHEN will YOU make a post there?

(( kram ))

 
At 6:38 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Dear Anna, you are something! :D

"Then the author probably need it the most".

Yep, you are right.

"In a way ... it is a non-egoistic way of acting ... not being afraid of "losing my face" in front of all of You."


That’s what i find great about you! ;) But in here you don’t need to be afraid, you have a "green card" here that gives you the right to say or do anything. Resuming: acting crazy as much as you want.

Oh i don’t mind translating, as long as you wont ask me to do it in Swedish lol

"Did You have time to listen to my music at MuseArt? "

YES I DID! It’s beautiful, i left you there a comment.

"And WHEN will YOU make a post there?"

:O Can i? I don’t even know how to do it lol How it works i mean. I know the idea behind it but i don’t know how to have access to it, or place there a song according to my patting.


Kisses and a Kram of course lol

 
At 7:20 AM, Blogger poca said...

há pessoas que no passado (seja ele recente ou não) fizeram parte integrante da nossa vida e que hoje já não.
De algumas dessas pessoas já nem nos lembramos. De outras sim.
Mas mesmo das que sim. há muitas delas de quem não sentimos falta. outras sim.
das que sim. há as que pegamos no telefone e tentamos colmatar na duração do telefonema a distância que a vida nos impôs. outras não.

a falta que sentimos das outras pessoas é sempre maior do que a que elas sentirão por nós. porque essa nunca a iremos sentir.

a indiferença, quando é a nossa. ñão nos roi. a dos outros sim. nem que seja a de alguns.

o valor que cada um dá aos outros.. nunca será visto pelos outros na proporção certa que cada um o reconheçe em si mesmo.

a vida segue. as coisas mudam.
algumas é difícil de aceitar.

lembra-te de todas as vezes que pensaste em alguém sem que essa pessoa tenha vindo a saber. esse será mais ou menos o mesmo número de vezes que outras pessoas se lembram de ti sem que tu nunca venhas a saber.

(ps. já tinha escrito um outro comentário.. que tendo a mesma linha de pensamento era muito mais preciso no que eu queria dizer. mas esta treta bloqueou mesmo na hora da publicação do comentário.. e depois de ter de desligar e voltar a ligar o computador saiu-me tudo mais ou menos trocado. as mesmas palavras nunca me voltam à cabeça)

e não, este comentário também não foi escrito sob o efeito de qualquer tipo de estupefacientes, no entanto isto foi o que me ficou do teu post disfarçado de dummies ;P

 
At 10:29 PM, Blogger Alien David Sousa said...

Poca

"a falta que sentimos das outras pessoas é sempre maior do que a que elas sentirão por nós. porque essa nunca a iremos sentir."

Tão verdadeiro.


"o valor que cada um dá aos outros.. nunca será visto pelos outros na proporção certa que cada um o reconheçe em si mesmo."

Mais uma vez, tão verdadeiro.


"lembra-te de todas as vezes que pensaste em alguém sem que essa pessoa tenha vindo a saber. esse será mais ou menos o mesmo número de vezes que outras pessoas se lembram de ti sem que tu nunca venhas a saber."


Não tinha pensado nas coisas assim.Não da forma como o expressaste. Talvez porque, como o disseste quando somos nós a sentir, a força é outra.


Olha as palavras que sairam desta segunda vez, sairam muito bem ;)
Adorei o teu comentário.

"isto foi o que me ficou do teu post disfarçado de dummies ;P " LOL

Beijinhos linda

 
At 3:33 AM, Blogger Raposa Velha said...

Bem tiradas, esta posta :)

 
At 6:19 AM, Blogger Alien David Sousa said...

Thanks Fox ;)

 

Post a Comment

<< Home