Saturday, September 27, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
RIP
-
The first test of a truly great man is his humility.
John Ruskin

Friday, September 26, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
E depois o difícil é acreditar em Aliens.
-
Ao ler esta notícia fiquei irada. Porquê? Bem, parece que nos dias de hoje vale acreditar em tudo menos em Aliens. Está mal.
-
Então não é que a Nicole Kidman afirmou ter ficado grávida devido a se ter banhado nas cascatas das remotas terras do interior da Austrália. Ora, eu sempre pensei que a gravidez tinha sido uma obra em conjunto com marido, mas parece que as coisas não são bem assim.
-
A Nicky - é como a trato em privado - ainda acrescentou que outras quantas mulheres também ficaram grávidas após se terem banhado nas águas que agora apelida de "as águas da fertilidade". Parece que as outras senhoras faziam parte da equipa de um filme em que Nicky andava a trabalhar.
-
Nicky acrescentou: "Sete crianças foram concebidas durante as filmagens e só uma deles é menino. Há algo especial nas águas de Kununurra, porque todas nadámos em suas cascatas."
-
Estou furiosa. Vejamos, é mais fácil acreditar que andam a nadar freneticamente milhares de espermatozóides nas águas de Kunurra prontos para engravidar qualquer mulher que salte para dentro dessas águas ,do que acreditar que existem seres extraterrestres.
-
Pensem comigo. Quando a Nicky estava com o Tom Cruise não conseguiu engravidar. Ao mudarem de parceiros tanto o Tom como a Nicky conseguiram conceber pequenos seres. Serei eu a única Alien que já ouviu falar em incompatibilidades, no que toca a este assunto?
-
Mas não! É muito mais lógico, faz muito mais sentido, pensar que foram os milhares de espermatozóides que nadam freneticamente nas águas de Kunurra que engravidaram a Nicky. E depois eu é que não existo. Que não entro em contacto com os humanos. Que não possuo uma nave.
-
Nicky, da próxima vez que decidires abrir a boca telefona-me primeiro. Não é por nada, mas um dia destes o teu marido ainda vai exigir um teste de paternidade.
-
Nenhum homem gosta de acreditar que não foram os seus "rapazes" que engravidaram a esposa.
-
Mas isto sou só eu

Monday, September 22, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
A ver se é desta que sou processada.
-
Este texto tem um significado especial para mim por se tratar do meu 300 no Alien's Corner. Desde que iniciei este projecto, já bati em muitos terrestres e já aflorei muitos assuntos, uns mais delicados do que outros. Alguns, completamente aparvalhados. No entanto, é-me impossível esconder o ódio de estimação que detenho pela figura do nosso Primeiro-Ministro, o título de Ministro de Segunda assentaria-lhe melhor. Mas isto de preferências é com cada um.
-
Não resolvi escrever à toa sobre o nosso Primeiro e os seus Segundos. Digamos que o novo "slogan" do PS, foi o empurrão para este texto.
-
"A Força da Mudança"
-
Desculpem? O país está no lodo e mesmo assim, o partido que está no Governo ainda nos pretende deprimir mais?
-
"A Força da Mudança". Não é por nada mas eu não ando nada agradada com as mudanças levadas a cabo por este governo, assim, só posso ficar ainda mais deprimida com este "slogan". Assentava melhor uma coisa do género: "Mudar à força", sim porque há mudanças levadas a cabo por este governo que nos foram pespegadas à força.
-
Em 2005, um senhor grisalho prometia que Portugal teria um novo rumo.

Image Hosted by ImageShack.us
-
Até aos dias de hoje não consigo entender qual era o rumo pretendido, aquele em que se encontra o nosso país não me parece que fosse.
Agora, o senhor Primeiro-Ministro e os seus colegas pretendem uma mudança para o país.
-
Que tal se primeiro nos dessem um rumo, como prometido?
-
Ó Alien, mas nem tudo é mau, não podes ser assim sempre a criticar o nosso governo.Tens de olhar também para as coisas boas. Pois, então devo andar mesmo a viver noutro país porque cada vez acho mais penoso descobrir as coisas boas.
-
Já chega de "slogans" dolosos. Que tal começarem a trabalhar, para variar? A trabalhar bem. Sim porque colocar um GPS no meu carro não me parece que seja uma prioridade para o país. Já existem empresas que o fazem para quem estiver interessado, não obrigam ninguém.
-
Não me parece que tópicos como este ajudem a melhorar a nossa economia.
-
Mas isto sou só eu

Wednesday, September 17, 2008

Coisas que me fazem Pensar
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Vou necessitar da vossa ajuda neste tema. Vou mesmo. Por mais que pense, não consigo entender este fenómeno que é o Hi5, de cada vez que oiço alguém prenunciar Hi5 em voz alta, sinto uma vontade inexplicável de estender a minha mão, de a levantar bem alto e gritar: Hi5 meu!
-
Provavelmente muitos de vós têm uma página no Hi5 e eu não pretendo ofender ninguém, mas, que raio se passa?
Talvez por ser um Alien eu vejo o Hi5 assim: constrói-se uma página aonde inserimos uns quantos dados pessoais - verdadeiros ou não - , depois colocamos na nossa página inúmeras fotos nossas e dos nossos amigos, uns preferem aparecer anónimos, e pronto temos uma página no Hi5.
-
Image Hosted by ImageShack.us
Exemplo de um amigo anónimo.
-
Agora digam-me uma coisa. E estou a falar a sério. Brincadeiras à parte. Alienices à parte. Depois de construída a página, para que raio serve a página? Para ir adicionando mais amigos? Mais fotos?
-
Sinceramente o Hi5 é um mistério para mim. É tipo a revista Maria, não entendo como vende tanto, mas vende. São dois mistérios.
-
Alguém um dia me disse: ah, sabes, assim estamos sempre em contacto com os nossos amigos. Desculpa? Mas e a lista do telemóvel, não tem esse propósito?
-
Como vocês são terrestres bondosos, ou talvez não, - ando sempre indecisa - vão com toda a certeza explicar a esta Alien a finalidade do Hi5, acreditem que eu agradecia.
-
Ah e já agora, gostava também que me dissessem se posso vir a sofrer represálias por todos aqueles convites que recusei para me juntar à comunidade.
-
Mas isto sou só eu

Monday, September 15, 2008

video
-
1 Diva. 75.000 terrestres e aliens.
-
Chegou o dia M.
-
Se me virem no concerto, digam-me adeus.
-
Deixo aqui uma das entrevistas mais hilariantes a que já assisti da senhora que dá pelo nome de Madonna. Já tem uns anitos, mas vale sempre a pena rever.
-
Mas isto sou só eu

Friday, September 12, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
O momento da verdade para as audiências e para os terrestres.
-
Confesso que quando o meu dedo pressionou o botão 3 do comando, já não tive forças para mudar de canal, o meu zapping parou, estacionei ali, naquele momento da verdade, e quem me dera não o ter feito. A curiosidade levou a melhor. Foi algo de mórbido, como estar a assistir a um acidente de carro. Após, tive vergonha da minha pessoa, mas foi mais forte do que eu. É tudo o que posso dizer em minha defesa. Shame on me.
-
Pelo que me foi dado a perceber - dado que não vi o programa de início - o concorrente submeteu-se a um teste realizado por um polígrafo antes do programa. Os resultados desse teste, ficaram guardados e, na posse dos mesmos, a Dona Teresa Guilherme deu início a um rol de perguntas - nada meigas - às quais o concorrente teve sempre de responder com a verdade. Se não o fizesse ia à sua vidinha e não subia de nível para ganhar cada vez mais dinheiro.
-
O rapaz em questão levou consigo um amigo, o irmão e a mulher. Sinceramente nunca assisti a nada tão degradante e não entendo como a mulher teve estômago para permanecer ali sentada.
-
Admitiu para todo o Portugal - algo que deve ficar entre o casal - que já tinha traído a mulher, até aqui tudo bem, ou tudo mal , pelo menos nada de tão grave como o que se seguiria.
Passados uns segundos vem a pergunta: "Já pagou para ter sexo este ano?" Adivinhem a resposta? Pois, foi sim. Isto com a mulher sempre a fazer um sorriso amarelo.
-
O mais grave a meu ver, visto ele já ter afirmado ter estado separado durante um curto espaço de tempo da mulher foi a seguinte pergunta: "Desde que está com a Márcia já teve relações sexuais com mais de 15 mulheres?"
-
Não teve a possibilidade de responder a esta pergunta porque o amigo salvou-lhe a pele. Parece que neste jogo se pode evitar uma pergunta, no entanto, ficou claro para todos nós que se o amigo não o deixou responder é porque a resposta era sim. E como amigo que é, não queria acabar de uma vez por todas com um casamento que me parece estar nas últimas.
-
Quanto às perguntas quero apenas salientar mais uma. Esta só por si seria mais do que suficiente para a mulher colocar as malas do rapaz à porta e mudar a fechadura.
-
"Costuma usar frequentemente preservativo com outras mulheres que não a Márcia?"
-
A resposta foi; não!
-
Ora não é que ficámos a saber que a esposa, a Márcia, é uma excelente candidata para já ter contraído o HIV ou outras doenças sexualmente transmissíveis. Isto só demonstra o amor que o rapaz afirma deter pela esposa.
-
No final do programa, quando já está a dar a música, ele abraçou o irmão, o amigo e foi beijar a esposa que pensando que os microfones já estavam desligados disse: não faças isso!
-
O rapaz ganhou uma quantia razoável de dinheiro, é um facto. Porreiro pá! No entanto, arrasou a mulher e, quanto a mim, acho que acabou com o que restava do seu casamento. Ele afirmou que tinha concorrido com o intuito de deitar cá para fora "coisas" que tinha "entaladas".
-
Eu fiquei a pensar; ter ido a um terapeuta com a esposa em vez de a humilhar perante não sei quantos mil telespectadores, não teria sido mais sensato?
-
Eu bem sei que no terapeuta seria ele a pagar enquanto que ali pagaram-lhe a ele, mas talvez o resultado fosse bem mais saudável para o casamento.
-
Mas isto sou só eu

Monday, September 08, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
Teorias da Conspiração...
-
como as adoro. Os humanos são engraçados. Muitos, são incapazes de colocar a hipótese de que não estão sozinhos no Universo, de que não são os únicos seres dotados de inteligência, mas depois dá-se um fenómeno interessante. Andam de um lado para o outro a elaborar teorias mirabolantes, do tipo que envolvem os principais elementos da realeza inglesa na morte da Princesa Diana. Quando o mais simples seria olhar para os factos; um Mercedes entrou em excesso de velocidade num túnel, perseguido por vários abutres - Paparazzis - não estando o motorista em condições de guiar àquela velocidade visto ter bebido, perdendo assim o controlo do carro. Fim da história. Um fim triste. Conspiração? Aonde?
-
Não me levem a mal, ou levem. Mas, se vejo mais um documentário sobre este assunto dou um tiro no pé, meto baixa e fico um mês em casa a ver filmes do Quentin Tarantino.
-
Não entendo muito bem esta tendência dos terrestres em transformar mortes que foram acidentais em teorias da conspiração. Não entendo. Marilyn. A senhora era uma drogada. Misturava comprimidos com álcool. Teve azar naquela noite, já li e vi muito do que supostamente se passou, no entanto, o que dá gozo , o que tem mais piada é a teoria da conspiração: os homens dos serviços secretos mataram Marilyn porque vá-se lá saber como, talvez numa noite de intenso amor com Kennedy este lhe revelou um segredo de estado importantíssimo. Assim, esta teve de ser despachada pelos serviços secretos. Tudo por culpa de uma noite de amor, com este, ou quem sabe com o seu irmão. Não será mais plausível que a senhora tenha sofrido de uma overdose porque foi uma pessoa instável durante toda a sua vida?
-
Elvis, continua vivo, claro está! É uma das maiores teorias da conspiração.
-
Eu pergunto, a vida destes seres não era por si só suficientemente interessante para que a sua morte tenha que superar as suas vidas?
-
É estranho, eu poderia ficar aqui horas a dissecar este assunto, a dar mais exemplos, mas seria uma perda de tempo. O fascínio pela morte de alguém famoso e as teorias da conspiração criadas à sua volta é algo que me transcende.
-
Se as horas perdidas a pensar se foi a rainha que mandou matar a Princesa Diana, fossem direccionadas para teorias que têm pernas para andar, talvez a raça humana já tivesse descoberto que andam a ser manipulados a torto e a direito.
-
Mas isto sou só eu.

Thursday, September 04, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
Mulheres não compliquem.
-
Ela escreveu:
-
Ele ficou esquisito a partir de sábado à noite. Tínhamos combinado encontrarmo-nos num bar para beber um copo depois do jogo e antes de jantar. Andei às compras a tarde toda com as amigas e pensei que o seu comportamento se devesse ao meu atraso de vinte minutos. Mas não. Nem sequer fez qualquer comentário, como lhe é habitual. A conversa e o sítio não estavam muito animados, por isso propus irmos a um lugar mais íntimo para podermos conversar tranquilamente.
-
Fomos a um restaurante caro e elegante. A comida estava excelente e o vinho era de reserva. Quando veio a conta, ele nem refilou e continuava a portar-se de forma bastante estranha. Como se estivesse ausente. Tentei rodar os assuntos para fazer com que se animasse mas em vão. Comecei a pensar se seria culpa minha ou outra coisa qualquer. Quando lhe perguntei, disse apenas que não tinha nada a ver comigo. Mas não me deixou convencida. No caminho para casa, já no carro, disse-lhe que o amava. Ele limitou-se a passar o braço por cima dos meus ombros, de forma paternal e sem me contestar.
-
Não sei como explicar a sua atitude, porque não disse que me queria como faz habitualmente. Simplesmente não disse nada. Começo a ficar cada vez mais preocupada. Chegámos por fim a casa e, nesse preciso momento, pensei que ele me queria deixar. Tentei fazer com que falasse sobre o assunto mas ele ligou a televisão e ficou a olhá-la com um ar distante, como que a fazer-me ver que tudo tinha terminado entre nós. O silêncio cortado pelo filme era sufocante. Por fim, desisti e disse-lhe que ia para a cama.
-
Mais ou menos dez minutos depois, ele entra no quarto e deita-se a meu lado. Para enorme surpresa minha, correspondeu aos meus beijos e carícias e acabámos por fazer amor. Não foi tão intenso como normal mas ele pareceu gostar. Apesar de continuar com aquele ar distraído que tanto me aflige. Depois, ainda deitada na cama, resolvi que queria enfrentar a situação e falar com ele o quanto antes. Mas ele já tinha adormecido. Comecei a chorar e continuei a fazê-lo pela noite dentro, até adormecer quase de manhã. Estou desesperada, já não sei o que fazer. Estou praticamente convencida que os seus pensamentos estão com outra. A minha vida é um autêntico desastre!
-
Ele escreveu:
-
Merda! O Benfica empatou com o Porto. Ao menos dei uma queca...
-
É por estas e por outras que os homens acham que todas as terrestres são neuróticas. Eu cá por mim deixava o rapaz ficar perdido nos seus pensamentos e ia à minha vidinha, qual chorar! Mas temos quinze anos? Enfim, fartei-me de rir com este diário, tinha de o publicar, ainda há mulheres que adoram complicar, deve ser culpa das novelas, não sei?! Mas que dei uma valente gargalhada isso dei.
-
Mas isto sou só eu
-
[Roubado do site do Luís, o Truca.]

Tuesday, September 02, 2008

Image Hosted by ImageShack.us
-
Toca a acordar!
-
De regresso à terra e logo me deparo com a estupidez humana. Pronto, lá está ela, ainda agora chegou e já vem pronta para criticar. A culpa não é minha. Não, não é! É mesmo da estupidez humana. Eu que me queixo frequentemente de que apenas possuo um neurónio instável começo a sentir que fui abençoada e não amaldiçoada.
-
Antes de mais, confesso que li algumas "coisitas" que foram escritas por cá enquanto me ausentei e refiro-me aos jogos olímpicos. Não me vou alongar muito porque li tanta bosta que por vezes me doíam os olhos. Estes jogos não se deveriam ter realizado aonde o foram disso o sei, sei-o no meu íntimo.
-
Passando à frente. Os humanos andam constantemente a chorar baba e ranho afirmando que não acreditam na existência de seres extraterrenos, muitos proferem sempre a mesma lengalenga de que se estes existissem já teriam estabelecido contacto. O que me chateia visto que eu canso-me de estabelecer contacto. Mas, como venho bem disposta vou dar mais uma ajudinha, que tal dispensarem uma prolongada olhadela nas fotos que se seguem?

-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Image Hosted by ImageShack.us
-
Image Hosted by ImageShack.us
Como devem calcular não tenho espaço para colocar aqui neste "post" todos os Aliens que se desmascararam nestes jogos. Alguns não ganharam medalhas mas não me enganam, ai isso não!
-
Quero apenas deixar aqui um pensamento, está relacionado com os Aliens portugueses, foram arrasados aqueles atletas portugueses que tiveram frases infelizes, apenas menciono isto, não vou entrar no debate idiota sobre as frases proferidas, mas o facto é que foram arrasados. Por outro lado, os nossos dois Aliens "medalhados" chegaram ao Aeroporto após uma longa viagem e tinham apenas uns quantos portugueses à sua espera. O Alien Nelson ofereceu a Portugal uma medalha de Ouro e a Alien Vanessa uma de prata, nada mau, agora, digam-me uma coisa, quantos portugueses estariam no Aeroporto se a selecção tivesse ganho o Europeu? Não vos faz confusão, ou sou só eu?
-
Parece que no momento de arrasar os outros atletas portugueses, Portugal foi unânime, mas no momento de ir esperar o Nelson e a Vanessa ao Aeroporto, estavam melhor na caminha. Será Portugal tão diferente do Marcos?
-
Para finalizar, os paraolímpicos portugueses vão entrar em acção, verdadeiros seres do outro mundo, acredito nas medalhas mas o que me que surpreende é o facto dos humanos continuarem a insistir que não existem seres do outro mundo a caminhar sobre esta bola azul, mas andamos todos de olhos tapados?
-
Eu cá vou desmascarando alguns, mas por favor!, eu não vos posso fazer a papinha toda, até porque o leite está caro.
-
Mas isto sou só eu, como sempre.